Details

Modificações no perfil de solo sob plantio direto continuo e com intervenção mecanica sob sucessão e rotação de culturas

by Piccinin, Jorge Luiz

Abstract (Summary)
Tem-se como objetivo acrescentar esclarecimentos adicionais sobre mecanismos de degradação, transformação e reorganização de atributos morfoestruturais do solo, mediante caracterizações físicas, biológicas e químicas de perfis submetidos a diferentes práticas de manejo. Destaque especial foi dado ao sistema plantio direto, adotando seqüência de culturas em sucessão e rotação, assim como do manejo do solo em sistema contínuo e com interferência mecânica com escarificador. Os estudos foram realizados em LA TOSSOW VERMELHO Distroférrico do Centro Nacional de Pesquisa de Soja (EMBRAPA Soja), em Londrina (PR). Os sistemas estudados foram de plantio direto contínuo há 15 anos e com interferência mecânica na camada superficial a cada três anos, em áreas cultivadas em sucessão e rotação de culturas; uma área sob vegetação natural foi utilizada para comparação dos efeitos estudados. Utilizaram-se as metodologias do Perfil Pedológico e de Manejo, análises fisicas e químicas por horizontes e unidades estruturais homogêneas. O estudo de campo foi complementado com o perfil de raízes, resistência do solo à penetração, coletados dados climáticos, de resíduos orgânicos na superficie do solo e produtividade das áreas estudadas durante cinco anos. Modificações mais acentuadas ocorreram nos primeiros 40 em de profundidade, com maior variabilidade horizontal de unidades estruturais entre 0,05 e 0,25 m de profundidade, com decréscimo da compactação do solo da superficie para subsuperficie, que se desenvolveu de forma localizada no espaço horizontal e somente intra-agregados. As condições morfoestruturais sob rotação de culturas mostraram mais similaridade com as observadas sob vegetação natural, além de menores valores de densidade e maior aporte de resíduos culturais na superficie após a introdução da cultura do milho, na seqüência de culturas. Após três anos da passagem do escarificador tipo cruzador, a densidade foi maior no sistema de rotação, em relação ao sistema contínuo há quinze anos, mas nas áreas de sucessão foram semelhantes. No entanto, o modo de organização estrutural no perfil de solo foi semelhante à condição de solo natural apenas nas áreas sob rotação de culturas. Evidenciou-se que a disponibilidade e retenção da água e nutrientes no solo, assim como o desenvolvimento radicular, é conseqüência da distribuição, continuidade e diâmetro dos vazios, tipo, classe e localização das estruturas, e menos dependente dos valores de densidade de solo. Os valores de densidade estão mais associados aos índices de resistência à penetração do solo, o que não afeta, no entanto, o maior ou menor desenvolvimento radicular, relacionado de forma mais direta a vazios de origem estrutural.Não se constatou o desenvolvimento de processos de degradação do solo, mas foram caracterizadas diferenças na produtividade em função dos sistemas e manejo de solo e de cultivo avaliados. A adoção de rotação de culturas se revelou essencial para a continuidade de um sistema, principalmente no seu início
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Carlos Roberto Espindola; Carlos Roberto Espindola [Orientador]; Isabella Clerici de Maria; Ricardo Ralisch; Mara de Andrade Marinho Weill; Luiz Lonardoni Foloni

School:Universidade Estadual de Campinas

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Mecanica do solo Plantio direto Direct plantio

ISBN:

Date of Publication:02/24/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.