Details

A epidemiologia da tuberculose em uma cidade brasileira na ultima decada do seculo XX: uma abordagem espacial [electronic resource].

by Souza, Wayner Vieira; Barcellos Neto, Christovam de; Albuquerque, Maria de

Abstract (Summary)
Este estudo, do tipo ecologico, objetiva modelar com o emprego de metodos bayesianos completos, a ocorrencia da Tuberculose, identificando indicadores e variaveis que caracterizem situacao coletiva de risco, a partir de informacoes socioueconomicas dos setores censitarios extraidas dos Censos Demograficos e da distribuicao da doenca em Olinda, nos periodos 1991-1995 e 1996-2000.A primeira etapa da analise dos dados consistiu na analise descritiva da epidemiologia da tuberculose em Olinda no periodo 1991-2000 e na comparacao da distribuicao espacial da doenca nos periodos 1991-1995 e 1996-2000, por meio de mapas tematicos de incidencia media por setor censitario. Em continuacao procedeu-se a estimacao do risco relativo para a ocorrencia da tuberculose em cada setor censitario, no periodo 1991-1995, utilizando metodo bayesiano completo e adotando tres diferentes abordagens para inclusao de co-fatores socio-economicos intervenientes no risco: Indicador Sintetico de Carencia Social; Analise de Componentes Principais (Primeira Componente - Carencia Social); Variaveis socio-economicas incluidas no calculo do Indicador de Carencia Social. Por fim, realizou-se a estimacao do risco relativo para a ocorrencia da tuberculose em cada setor censitario, no periodo 1996-2000, utilizando metodo bayesiano completo e considerando como co-fatores intervenientes no risco, variavel socio-economica e variaveis indicadoras de intensidade de transmissao da doenca e/ou efetividade das acoes de controle, num unico modelo. A analise descritiva da situacao da tuberculose detectou uma tendencia de crescimento da taxa anual de incidencia, que apresentou uma media de mais de 1 caso para cada 1000 habitantes, durante o periodo 1991-2000.Os resultados obtidos, mediante emprego dos diferentes modelos, ratificam a associacao entre carencia social e o risco para a ocorrencia da doenca, apontando variaveis intervenientes e grupos/areas prioritarias para intervencao. Foi possivel identificar como de alto risco, 47 setores censitarios da cidade que totalizaram 37,5 por cento do total de casos referenciados, contando com apenas 16,6 por cento da populacao total.Sao comparados os diferentes modelos utilizados em termos de capacidade de identificacao e classificacao do risco, alem de confrontar os padroes espaciais deste risco nos periodos 1991-1995 e 1996-2000.AU.
Bibliographical Information:

Advisor:

School:

School Location:

Source Type:Master's Thesis

Keywords:tuberculose vigilancia sanitaria

ISBN:

Date of Publication:

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.