Details

Ação educativa e tecnologias digitais: Análise sobre os saberes colaborativos.

by Batista de, Tereza Cristina

Abstract (Summary)
Os programas de educação a distância que utilizam tecnologias digitais constituem possibilidades pedagógicas cada vez mais recorrentes no contexto educacional. Evidencia-se grande expansão de experiências de ensino a distância que complementam os sistemas convencionais, bem como o surgimento de formas híbridas de educação que combinam atividades presenciais e a distância que promovem o intercâmbio e a integração dos dois tipos de sistemas. As mídias digitais e as ferramentas da Web 2.0, por meio de plataformas colaborativas como o Moodle, possibilitam a comunicação, interação, colaboração e formulação coletiva dos conhecimentos, transformando os tradicionais papéis de professores e alunos. Com base nesse cenário, a pesquisa procurou identificar como as tecnologias digitais e as mediações pedagógicas baseadas na co-autoria potencializam os saberes colaborativos - conhecimentos, habilidades e atitudes relacionadas à colaboração - fundamentais para a aprendizagem ao longo da vida. A abordagem teórica procurou explorar teorias e pesquisas sobre colaboração e aprendizagem colaborativa; definir o conceito de saberes colaborativos e eleger, entre estes, cinco mais fortemente aplicáveis à dinâmica colaborativa em programas de EAD: autonomia, comunicação e compartilhamento, exploração e resolução de conflitos, engajamento colaborativo e verificação e síntese. Buscou ainda reaver aspectos centrais da utilização das tecnologias digitais na EAD, como as características das mídias digitais, integração multimídia, hipertexto, interatividade, interfaces e Web 2.0. A pesquisa teórica destacou os aspectos teóricos que norteiam o conceito de mediação pedagógica como diálogo, elaboração simbólica e cultural e possibilidade de comunicação e crítica. A investigação abordou os modelos de comunicação relativos ao uso das tecnologias na educação, com destaque para o modelo EMEREC e os conceitos de autoria e co-autoria nos processos de ensino e aprendizagem. A pesquisa de campo foi realizada na disciplina Educação a Distância, da FACED- UFC, de agosto a dezembro de 2007, utilizando a metodologia da etnografia virtual. A análise de dados está organizada em três categorias: saberes colaborativos, tecnologias digitais e mediações pedagógicas esteadas na autoria e co-autoria. Os resultados indicam que os saberes colaborativos são vivenciados e aprimorados em contexto de utilização de tecnologias digitais e de mediações pedagógica baseadas na autoria e na co-autoria, que precisam ser aprimoradas. Indicam, também, que as ferramentas da web 2.0, ainda que insuficientemente exploradas, favorecem e induzem às práticas colaborativas e que as mediações pedagógicas baseadas na autoria e co-autoria requerem grande investimento na formação docente. A pesquisa sugere a definição de políticas públicas em gestão e financiamento, acesso à internet das diversas camadas sociais e formação docente voltada para ações críticas e autônomas.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Herminio Borges Neto; Luiz Botelho de Albuquerque; Roberto Aparici Marino; Cassandra Ribeiro de Oliveira e Silva; Roselia Costa de Castro Macado

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:EDUCACAO colaboração mediações pedagógicas tecnologias digitais Análise de interação em educação Co-autoria Aprendizagem Ensino à distância ? Estudo e ensino Fortaleza(CE) Professores Formação Recursos redes computadores Internet na auxiliado por computador

ISBN:

Date of Publication:10/06/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.