Details

Construção e estudo das condições de operação de uma unidade de pirólise para pneumáticos inservíveis

by Partata, Andréia Ramos

Abstract (Summary)
O pneu é hoje considerado um resíduo com disposição final bastante inadequada como em lixões ou em aterros. Ele pode causar muitos problemas ambientais e para saúde humana, uma vez que quando absorvem gases estouram e quando queimados a céu aberto liberam substâncias tóxicas como o dióxido de enxofre e material particulado. Uma alternativa de uso seria como fonte de energia em indústrias que demandam alto poder energético em seus processos, pois seu poder calorífico é de aproximadamente 33 MJ/kg. Este valor é alto quando comparado ao carvão vegetal. Nesse sentido, indústria da cal, que demandam de grande quantidade de energia, poderia ser um destino final desse rejeito. Os custos com combustível neste tipo de indústria alcançam até 50 % do custo total, pois operam a temperaturas bastante altas. Assim, uma das formas de aproveitar o pneu adequadamente e buscar uma nova fonte de energia alternativa seria fazer a pirólise do mesmo, obtendo produtos com alto poder energético. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi projetar e construir uma unidade de pirólise para pneus inservíveis investigando a possibilidade de usar seus produtos como combustível industrial. Além disso, pretende-se estudar o efeito das variáveis de processo, temperatura e pressão, no rendimento e na qualidade dos produtos obtidos. Diante de alguns produtos obtidos (carvão pirolítico e óleo pirolítico), foram feitas análises a fim de compará-los com combustíveis usados atualmente em indústrias de cal, como a moinha de carvão vegetal e o coque. Os resultados experimentais mostraram que com o aumento da temperatura no pirolisador houve uma diminuição da percentagem de carvão pirolítico obtida. Estes valores variaram entre (35,18 ? 41,35) %. Já para o óleo pirolítico, observou-se uma maior variação do rendimento com a temperatura, alcançando um valor máximo de 45,1 % em 500 °C. Verificou-se também que o óleo pirolítico pode ser usado como combustível líquido, devido seu alto poder calorífico (40-42) MJ/kg, baixa viscosidade (1,6 ? 3,7) cP e baixo teor de enxofre (0,97 ? 1,54) % .
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Moilton Ribeiro Franco Junior; João Inácio Soletti; Humberto Molinar Henrique

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Combustível ENGENHARIA QUIMICA Pneus Combustiveis

ISBN:

Date of Publication:09/28/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.