Details

Tendências e evidências dos estilos de liderança no setor bancário da região oeste do Paraná, Brasil

by Bonacina, Dalvanei Tonin

Abstract (Summary)
A performance no uso das tecnologias e equipamentos depende cada vez mais do preparo das pessoas no exercício de suas funções e do seu comprometimento com os resultados. Por isso, sustentar e criar vantagens competitivas depende de uma liderança eficaz, capaz de capacitar as pessoas para agir, modelar o caminho pelo exemplo, inspirar uma visão compartilhada, reconhecer e comemorar conquistas. A eficácia do estilo de liderança depende da habilidade dos dirigentes de diagnosticar cada situação, visando à maximização do potencial dos liderados. Neste sent ido, buscou-se diagnosticar o perfil e a eficácia das atitudes de liderança de dirigentes que atuam no setor bancário da região Oeste do Paraná, a partir dos fundamentos da Teoria da Liderança Situacional, com ênfase nos fatores que limitam o uso eficaz do estilo de liderança DELEGAR. A pesquisa desenvolvida foi descritiva, do tipo levantamento ?Survey?, sendo utilizado o método quantitativo. A coleta de dados foi efetuada através de questionário estruturado com perguntas fechadas, aplicado a 142 sujeitos sociais que ocupavam cargos de gerência intermediária e superior num setor bancário de grande porte. Os resultados da pesquisa evidenciaram que os dirigentes que atuam neste segmento, a exemplo dos profissionais que atuam em outros segmentos profissionais, também têm dificuldades para praticar estilos de liderança flexíveis. Constatou-se uma elevada preferência pelo uso dos estilos de liderança Persuadir (E2) e Compartilhar (E3), que juntos chegaram a mais de 75,0 % das situações possíveis; e uma baixa preferência nos estilos Determinar (E1) e Delegar (E4). Na análise comparativa, considerando sexo e conhecimentos prévios sobre Liderança Situacional, os testes estatísticos mostraram que não existe diferença significativa em relação ao grau de eficácia no uso dos estilos. A análise dos graus de eficácia no uso dos estilos evidenciou que o estilo Persuadir (E2) é o que merece maior atenção, pois foi neste que se evidenciou o índice mais elevado de ineficácia. Por outro lado, os baixos índices de preferência no uso do estilo Delegar (E4) também constituem motivo de preocupação, pois isto implica dizer que não existem condições favoráveis para o desenvolvimento de equipes de alto desempenho.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Bruno Hartmut Kopittke; Maria Jose Carvalho de Souza Domingues; Pedro Paulo Hugo Wilhelm

School:Universidade Regional de Blumenau

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Estilos de liderança Liderança situacional Delegação autoridade ADMINISTRACAO Liderança; Bancos - Administração

ISBN:

Date of Publication:

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.