Details

Condição e percepção de saúde bucal em idosos hipertensos participantes do Programa de Saúde da Família, no município de Governador Valadares MG

by Rodrigues, Suely Maria

Abstract (Summary)
Este estudo teve o objetivo de conhecer as condições e percepções de saúde bucal dos indivíduos com 60 anos ou mais, que utilizam medicamentos anti-hipertensivos e participam do Programa de Saúde da Família (PSF), no município de Governador Valadares, Minas Gerais. Participaram do estudo 187 indivíduos, portadores de Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS), de ambos os sexos, de estado funcionalindependente ou parcialmente dependente, não diabéticos, não etílistas e não tabagistas. Para coleta dos dados foi aplicado um questionário com os objetivos de identificar o perfil dos indivíduos usuários das Unidades de Saúde do PSF, conhecer as medidashigieno-dietéticas utilizadas, tempo de acometimento pela hipertensão arterial e os medicamentos mais consumidos no tratamento e controle da HAS. Foi realizada uma entrevista, visando obter dados qualitativos quanto às mudanças na vida diária com o uso desses medicamentos, bem como a percepção e os sentimentos desses indivíduos,em relação à saúde bucal; um exame clínico foi feito para avaliar as condições de saúde e detectar as possíveis alterações na cavidade bucal. Os dados quantitativos foram processados, utilizando-se os softwares EPI-INFO 2000 e Microsoft Excel. Para os dados qualitativos realizou-se a técnica da Análise de Conteúdo. Os resultadosrevelaram que a média de idade da amostra pesquisada foi 67,6 anos em 110 mulheres foi e 77 homens; os idosos casados formaram um grupo com 109 indivíduos. Quanto ao estado funcional, a maioria (97%) foi considerada independente; na variável grau de instrução, observou-se o predomínio de analfabetos (68,5%). Em relação ao trabalho, a maioria (73%) era de aposentados e 58% dos idosos vivem com o cônjuge. Neste grupo, a restrição ao sal e gordura foram as medidas higieno-dietéticas mais utilizadas. Com relação ao diagnóstico da hipertensão, 44% dos indivíduos relataram que a descobertada doença ocorreu após passar mal e ir ao médico; 42% após exame de rotina e 14% descobriram por acaso; a média do tempo de acometimento pela hipertensão arterial foi de 9,9 anos. Os medicamentos mais utilizados no controle da HAS foram os diuréticos eos inibidores da Enzima Conversora da Angiotensina (ECA). O CPI apresentou 1025 sextantes excluídos e os dentes índices que apresentaram maior porcentagem de ausência foram o 46 e 47 (96,8%) e o de menor ausência foi o 31 (73,3%). O valor médio encontrado para o CPO-D foi de 28,9 com a maioria dos dentes extraídos. Emmédia, cada indivíduo possuía 4,5 dentes presentes. Na maioria dos idosos (75,4%), a condição da mucosa bucal foi considerada normal. A presença de alterações na cavidade bucal foi detectada em 24,6% dos examinados, sendo a estomatite protética (41,2%) a lesão mais encontrada. Quanto à percepção de saúde bucal, observou-se que a maioria ressaltou a importância dos dentes e das próteses, os cuidados diários e a necessidade de tratamento. Pode-se concluir que a condição de saúde bucal é insatisfatória, com elevado número de dentes perdidos e grande necessidade de confecção de prótese total;os idosos demonstraram uma percepção mais positiva que negativa sobre seus dentes, significando que, apesar dos problemas bucais terem impacto negativo nas suas vidas, os idosos, geralmente dão um valor positivo aos seus dentes.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Allyson Nogueira Moreira; Andrea Maria Duarte Vargas; Efigenia Ferreira e Ferreira; Rui Brunetti

School:Universidade Federal de Minas Gerais

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:clã­nica odontolã³gica teses saãºde bucal idosos assistãªncia

ISBN:

Date of Publication:12/19/2002

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.