Details

Influência do termotratamento na composição química da madeira de amburana (Amburana cearensis), bálsamo (Myroxylon balsamum) e carvalho (Quercus sp.) e o impacto no aroma de uma solução modelo de cachaça

by Leão, Marcelo Machado

Abstract (Summary)
Neste trabalho foi avaliado o efeito do termotratamento na composição química de madeiras utilizadas na confecção de tonéis e o impacto no aroma de uma solução modelo de cachaça, que apresentasse características físico-químicas desta bebida. As madeiras foram avaliadas quanto à composição química em suas formas original e termotratada. Extratos hidroalcoólicos foram obtidos em cada madeira representando a solução modelo de cachaça e em seguida, foram analisados instrumental e sensorialmente, para comprovar o efeito do termotratamento. As espécies Amburana cearensis Fr. Allem. (amburana) e Myroxylon balsamum (L.) Harms. (bálsamo) foram selecionadas, de acordo com pesquisa junto a produtores de cachaça e fabricantes de tonéis, como fornecedoras das madeiras mais utilizadas para envelhecimento de cachaça, mas ainda, sem a prática sistemática do termotratamento, durante a confecção do barril. O carvalho (Quercus sp.) foi selecionado como padrão de referência no envelhecimento de bebidas. Em relação à anatomia da madeira, a principal distinção encontrada foi a maior presença de tilos nos vasos do carvalho e a melhor distinção das zonas dos anéis de crescimento da madeira, por ser uma espécie de clima temperado. As densidades das madeiras apresentaram valores próximos para a amburana e carvalho, sendo o bálsamo uma madeira mais densa. As análises químicas efetuadas nas madeiras nativas mostraram um comportamento esperado próximo ao do carvalho (Quercus sp.). Os teores de lignina solúvel diminuíram, e os de lignina insolúvel aumentaram proporcionalmente à massa total da madeira. Os extrativos totais diminuíram em todas as madeiras termotratadas. A cromatografia em fase gasosa mostrou a formação de alguns compostos e a degradação de outros durante o termotratamento da madeira. Na análise sensorial houve diferença significativa entre as amostras termotratadas e não termotratadas, para as três madeiras, em relação ao aroma das soluções. No teste de preferência olfativo, carvalho, amburana e bálsamo termotratados e carvalho sem termotratamento foram os mais preferidos, sem diferenças significativas entre si.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Jose Otavio Brito; Jose Otavio Brito; Marcia Ortiz Mayo Marques; Marta Helena Fillet Spoto

School:Universidade de São Paulo

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:bálsamo cachaça - aging ? envelhecimento carvalho extrativo de madeira química da

ISBN:

Date of Publication:04/25/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.