Details

Avaliação do potencial imunorregulatório do análogo da lidocaína JMF2-1 em um modelo murino de asma.

by Olsen, Priscilla Christina

Abstract (Summary)
A asma é caracterizada por uma inflamação crônica nas vias aéreas pulmonares causada por fatores ambientais em indivíduos geneticamente pré-dispostos. Estudos anterioresdemonstraram que a aerolização com o análogo estrutural da lidocaína JMF2-1 poderia ser uma forma de atingir os efeitos antiasmáticos da lidocaína, sem apresentar a sua açãoanestésico local. Nossos dados prévios apontam para um importante efeito antiinflamatório do JMF2-1 em modelos experimentais de asma, mas o modo de ação desta substância ainda não está elucidado. Nesse trabalho examinamos os efeitos imunorregulatórios do JMF2-1, em comparação com a lidocaína e a dexametasona, em um modelo murino de asma.Camundongos BALB/c sensibilizados e desafiados com ovoalbumina foram tratados com lidocaína e JMF2-1 aerossol, concomitante ao desafio e oito horas após cada desafio. Otratamento intraperitoneal com dexametasona foi realizado uma vez ao dia uma hora antes de cada desafio. Todos os tratamentos ocorreram dos dias 19 ao 21 pós-sensibilização, todas as análises ocorreram 24 horas após o último desafio. Primeiramente, observamos que a inalaçãoda lidocaína e do JMF2-1 reduziu o número de eosinófilos nos pulmões dos animais desafiados com ovoalbumina. Além disso, ambos os fármacos inibiram a hiperreatividadebrônquica dos animais desafiados. Os tratamentos in vivo com lidocaína e JMF2-1, assim como com dexametasona, inibiram a secreção de IL-4, IL-5 e IL-13 em culturas de explantepulmonar, obtidos dos camundongos sensibilizados e desafiados com ovoalbumina. Após um segundo desafio com ovoalbumina, dessa vez in vitro, a produção de IL-5 e IL-13 foi inibidaquando os explantes eram provenientes de camundongos tratados com dexametasona, mas não lidocaína e JMF2-1. Células obtidas dos linfonodos de camundongos DO11.10 - TCRtransgênico foram estimuladas com ovoalbumina e tratadas in vitro com JMF2-1, lidocaína ou dexametasona. A produção de citocinas e proliferação das células dos linfonodos, provocadaspela ovoalbumina, foram inibidas pela lidocaína, JMF2-1 e pela dexametasona. Observamos também que o JMF2-1 e a lidocaína induziram a apoptose de células T in vitro, detectadaatravés da marcação com iodeto de propídeo e anexina V. Em todos os parâmetros analisados in vitro o JMF2-1 foi mais eficiente do que a lidocaína. Os resultados demonstraram que aaerolização do JMF2-1 bloqueia eventos cruciais relacionados à patogênese da asma, provavelmente através da redução da liberação de citocinas Th2 e da inibição das funçõescelulares e sobrevida de linfócitos T. Os resultados reforçam a importância de JMF2-1 e análogos não anestésicos de lidocaína como candidatos a medicamentos antiasmáticos.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Marco Aurélio Martins

School:Faculdades Oswaldo Cruz

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords: Lidocaína

ISBN:

Date of Publication:11/12/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.