Details

Avaliação do impacto do treinamento de clínica em hanseníase e sua contribuição para o aumento da detecção da doença no Estado do Rio Grande do Norte

by da Costa, Cléa Maria

Abstract (Summary)
A hanseníase é considerada um grave problema de saúde pública, pois de acordo com dados do Ministério da Saúde no ano de 2006, o Brasil posicionou-se em 2º lugar no mundo, em número de casos da doença. A Região Norte figura como a que mais apresenta casos. No Rio Grande do Norte, a hanseníase já é considerada eliminada, pois possui menos de 1 caso/10.000 habitantes, segundo dados da carta de eliminação de 2005. No Estado, treinamentos de clínica em hanseníase tem sido oferecidos pela Coordenação do Programa de Controle da Hanseníase do Rio Grande do Norte (PCH-RN) desde 1997, com o apoio da organização não governamental britânica The Leprosy Relief Association (LRA), sem nenhuma avaliação ter sido realizada. O objetivo deste estudo foi avaliar o impacto do treinamento de clínica em hanseníase e sua contribuição para a detecção da doença no Estado do Rio Grande do Norte. Para avaliar os treinamentos, foi escolhida a análise da intervenção. O estudo foi desenvolvido em sete municípios, os quais são as sedes das regionais de saúde, atualmente designadas como Unidades Regionais de Saúde Pública (URSAPs), que são: São José de Mipibu ? URSAP I, Mossoró ? URSAP II, João Câmara ? URSAP III, Caicó ? URSAP IV, Santa Cruz ? URSAP V, Pau dos Ferros ? URSAP VI e em Natal, a capital do Estado, que se localiza na região metropolitana. Foram realizadas entrevistas com médicos e enfermeiros do Programa de Saúde da Família (PSF), questionando as percepções desses profissionais sobre a implementação do treinamento de clínica em hanseníase, viabilizado através do Programa de Controle da Hanseníase do Estado do Rio Grande do Norte. Os profissionais avaliaram a própria prática e o treinamento. Apresentaram uma avaliação positiva e ofereceram sugestões para os próximos treinamentos. De acordo com os resultados deste estudo, há necessidade da educação permanente. Tanto os dados oficiais sobre a doença apresentados pela Secretaria de Saúde do Estado, quanto as respostas obtidas nas entrevistas, indicam que o caminho para o controle da hanseníase, é o da educação em saúde
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Jordana de Almeida Nogueira; Clélia Albino Simpson; Rosalba Pessoa de Souza Timóteo; Bertha Cruz Enders

School:Universidade Federal do Rio Grande do Norte

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Hanseníase Treinamento Avaliação Educação permanente ENFERMAGEM

ISBN:

Date of Publication:04/30/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.