Details

Avaliação do efeito da fagocitose de células apoptóticas sobre a replicação do vírus da imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1)

by de Lima, Rosangela Gomes

Abstract (Summary)
A remoção de células apotóticas por macrófagos aumenta a secreção mediadores antiinflamatórios e pode modular a replicação viral em macrófagos infectados pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) tipo 1. Para estudar este fenômeno, macrófagos primários foram infectados pelo HIV-1 e expostos à células apoptóticas, e nós observamos que esta interação aumentou notavelmente o crescimento do HIV-1. A replicação viral foi precedida por uma aumentada secreção de TGF-amp;#61538;1, e parcialmente revertida por anticorpos anti-TGF-amp;#61538;1. Além disso, estes anticorpos inibiram a replicação do HIV-1 em macrófagos não expostos à células apoptóticas e a adição de TGF-amp;#61538;1 amplificou a replicação viral em macrófagos cuja produção endógena desta citocina era baixa, sugerindo que TGF-amp;#61538;1 favorece a replicação do HIV-1. A inibição da ciclooxigenase 2 (COX-2), uma enzima chave da via de síntese de PGE2, eliminou o aumento do crescimento viral desencadeado pela interação entre células apoptóticas e macrófagos infectados pelo HIV-1 e a adição exógena de PGE2 a macrófagos infectados pelo HIV-1 aumentou a replicação viral. O uso de um antagonista do receptor de PAF reduziu a replicação do HIV-1 em macrófagos infectados, e a adição de PAF a estas células amplificou o crescimento viral. O peptídeo Arg-AspGly-Ser inibiu a fagocitose de células apoptóticas e o subseqüente estímulo da replicação do HIV-1, sugerindo a participação de um receptor do tipo integrina. A participação da integrina amp;#61537;Vamp;#61538;3, o receptor de vitronectina (VnR) neste fenômeno foi confirmada pelo uso de anticorpos monoclonais (MAbs) anti-amp;#61537;Vamp;#61538;3 e anti-amp;#61537;V. O MAb antagonista anti-amp;#61537;Vamp;#61538;3 neutralizou o aumento da replicação viral mediado pelas células apoptóticas e o MAb agonsita anti-amp;#61537;V estimulou consideravelmente o crescimento viral em macrófagos infectados pelo HIV-1. Nossos achados sugerem que TGF-amp;#61538;1, PAF e PGE2, bem como a estimulação do receptor de vitronectina, favorecem a replicação do HIV-1 em macrófagos e que a fagocitose de células apoptóticas por macrófagos infectados pelo HIV-1 pode contribuir para a persistente viremia em pacientes infectados pelo HIV-1.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Dumith Chequer Bou-Habib

School:Faculdades Oswaldo Cruz

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Reaplicação Viral Fagocitose IMUNOLOGIA CELULAR

ISBN:

Date of Publication:11/24/2004

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.