Details

Construção de um modelo curricular para o curso de graduação em Odontologia a partir de paradigmas estruturais e conjunturais contemporâneos

by da Costa, Odorico Coelho

Abstract (Summary)
Segundo Morin apud Coelho (2002), há uma inadequação cada vez mais ampla, profunda e grave entre os saberes separados, fragmentados, compartimentados entre disciplinas e, por outro lado, realidades e problemas cada vez mais polidisciplinares, transversais, multidimensionais, transnacionais, globais, planetários. (...) A hiperespecialização impede de ver o global ( que ela dilui). (...) O retalhamento das disciplinas (no ensino) torna impossível apreender "o que é tecido junto", isto é, o complexo, segundo o sentido original do termo. Por contraditório que possa parecer, pois, ao que se conhece, todos, ou senão quase todos os Cursos de Graduação em Odontologia propõem a formação de um Cirurgião-Dentista Clínico Geral. No entanto, o grande desafio que se apresenta no momento, é formar este ?Cirurgião-Dentista Generalista?, fundamentado em um modelo centrado em princípios da Integralidade, Interdisciplinaridade, transdisciplinaridade e multiprofissionalidade, preparando-o para a promoção de saúde, prevenção e cuidado com as pessoas, sem desqualificá-lo, por ser ?Clínico Geral?, pelo contrário, formando-o capaz de atuar com qualidade e resolubilidade, em 80 a 85% da nosologia prevalente. Assim, o objetivo deste trabalho foi, a partir da análise de paradigmas estruturais e conjunturais contemporâneos, construir um modelo curricular, que de acordo com as várias formas de estruturações acadêmicas, que podem conferir um maior ou menor grau de liberdade na organização dos conteúdos, assim como as diversas possibilidades de utilização dos cenários de práticas, venha contribuir, como um referencial, para a implantação e implementação das Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Odontologia, previstas na Resolução CNE/CES 3 de 19/02/02. O trabalho consistiu em um estudo do tipo retrospectivo e prospectivo, por meio de levantamento bibliográfico e experiências vivenciadas, em relação aos paradigmas contemporâneos sejam Estruturais ou Conjunturais, que hoje norteiam a construção de um modelo curricular para o curso de Graduação em Odontologia. Os paradigmas Estruturais ( basesevolutivas e legais) foram entendidos como os que se constituem na fundamentação dos aspectos legais que envolvem o processo educacional, sendo determinados por Decretos, Resoluções e outros diplomas legais. Os paradigmas Conjunturais (bases circunstanciais) foram os contribuitórios, indicativos, sinalizadores, propositores ou indutores para o aprimoramento e adequação do processo educacional em consonância com a nossa realidade. À luz das orientações, dificuldades e desafios, os paradigmas foram analisados e discutidos e na conclusão do trabalho foram apresentadas as etapas essenciais na construção de um modelo curricular, a forma de organização e desenvolvimento dos conteúdos, assim como as demais características necessárias à formação de um CD apto a inserir-se de forma natural e produtiva nos diversos sistemas prestadores de serviços à saúde, particularmente no Sistema Único de Saúde (SUS).
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Adriano Mota Loyola; Alfredo Júlio Fernandes Neto; Sérgio de Freitas Pedrosa

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Curso de Odontologia Diretrizes curriculares nacionais Planejamento curricular Ensino odontológico Estrutura Modelo Universidades e faculdades ? Currículos

ISBN:

Date of Publication:08/29/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.