Details

Práticas de leitura e de escrita na diversidade de sala de aula: Desafios e possibilidades

by de Figueiredo, Eliene Vieira

Abstract (Summary)
A finalidade desta pesquisa foi investigar práticas pedagógicas na concepção, aplicação e avaliação das atividades de leitura e escrita em uma perspectiva de diferenciação do ensino que favoreçam a participação e a aprendizagem dos alunos na diversidade da sala de aula. A fundamentação teórica se respalda na abordagem psicogenética piagetiana e a sóciohistórica vygotskyana. A opção metodológica foi por uma pesquisa quantitativa e qualitativa do tipo colaborativa, contando com a co-participação da professora alfabetizadora de uma sala de primeiro ano de uma escola pública da rede municipal de Fortaleza. Os resultados desta pesquisa foram analisados tendo como referência uma escala que se destina à avaliação do desenvolvimento de práticas de ensino diferenciado na sala de aula, servindo de parâmetro para análise das práticas realizadas pela professora participante desse estudo. Das 90 atividades analisadas, 49 contemplavam a diversidade da sala de aula. Nas atividades desenvolvidas pela professora, 6 categorias importantes emergiram: cooperação, mediação, heterogeneidade, motivação, interação e autonomia. Através de um pré-teste e de um pós-teste comparamos a evolução da aprendizagem da linguagem escrita dos alunos da professora acompanhada com a evolução dos alunos de outra sala de aula da mesma série (primeiro ano), cuja professora não teve acompanhamento. O resultado dessas análises indicou que houve avanços significativos na evolução em leitura e escrita dos alunos da sala da professora acompanhada, houve progresso dos alunos em todos os níveis de evolução da leitura e o maior número de alunos (quatro), que evoluíram foi justamente dos alunos que no pré-teste se encontravam em nível pré-silábico. Enquanto isso, na sala da professora não acompanhada, o processo foi exatamente o inverso, os alunos que no préteste estavam no nível pré-silábico foram os que menos progrediram, de cinco alunos, apenas um evoluiu para o nível silábico. Os resultados desta pesquisa indicam que o desenvolvimento de estratégias de diferenciação do ensino favorece a aprendizagem da leitura e da escrita independente da evolução conceitual dos alunos. As habilidades da professora para trabalhar com o ensino diferenciado favorecem práticas pedagógicas no contexto de inclusão.
This document abstract is also available in French.
Bibliographical Information:

Advisor:Sylvie Ghislaine Delacours Soares Lins; Vanda Magalhães Leitão; Adriana Leite Limaverde Gomes; Jean-Robert Poulin

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:EDUCACAO Práticas pedagógicas Linguagem Escrita Inclusão Escolar Leitura ? Estudo e ensino Fortaleza(CE) Crianças deficientes Educação escolar Prática de Ambiente sala aula Professores alunos

ISBN:

Date of Publication:11/26/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.