Details

Avaliação de impactos ambientais nos tributários do lago Paranoá, Brasília - DF

by Echeverria, Rosangela Martines

Abstract (Summary)
O alto grau de urbanização no Distrito Federal contribuiu para modificações no meio ambiente o que atingiu direta e indiretamente os recursos hídricos. O histórico de agressões ambientais na bacia do Lago Paranoá através da expansão urbana, uso e ocupação do solo e o lançamento de esgotos tratados e in natura serviram de parâmetros para estudar as alterações no meio ambiente. Neste trabalho foram estudadas as condições físico-químicas e geoquímicas das águas e dos sedimentos dos tributários do Lago Paranoá, procurando entender o comportamento dos elementos químicos e suas interações, bem como verificar as prováveis fontes de poluição. A área deste estudo é formada pela Bacia do Lago Paranoá, cujas unidades hidrográficas são: Santa Maria/Torto, Bananal, Riacho Fundo, Ribeirão do Gama e Lago Paranoá. A geologia pertence ao Grupo Paranoá e é composta principalmente por ardósia. As determinações físico-químicas da água foram realizadas usando o espectrofotômetro UV-Visível. O Espectrômetro de Emissão Atômica com Plasma Indutivamente Acoplado (ICP/AES) foi utilizado para determinação de: Sr, La, Pb, Cd, Y, Ti, Ca, V, Mg, Fe, Si, Ni, Cu, Al, Cr, Ba, Zn, P e Mo, na fração 0,063 mm, nos sedimentos e também foi realizado a identificação mineralógica por difratometria raio-X . Os resultados de água que apresentaram altas concentrações estão no Ribeirão do Riacho Fundo, pontos R2 (chuva) para amônia (0,73 mg/L), R3 (seca) para fosfato (1,76 mg/L), RG1 (chuva) e RG2 (seca) para alcalinidade (50,4 mg/L), (48,0 mg/L), associados ao descarte de esgotos domésticos, lixos, escoamento de fertilizantes e insumos agrícolas, sendo estes componentes transportados pelas chuvas ou descartados no Córrego Guará e o Vicente Pires, afluente do Ribeirão do Riacho Fundo. Dessa forma, este tributário é atingido diretamente pelos efeitos antrópicos e está sofrendo assoreamento. Os resultados das análises de sedimentos para elementos traço (Zn, Cr, V, Ba e Sr), adsorvidos nos argilominerais, estão associados com rejeitos de materiais de construção, como cimento e areia trazidos por seus afluentes. O Ribeirão do Gama teve também variação nos resultados comparativos com outros trabalhos, o nitrato variou de 0,12 para 1,85 mg/L e totais de sólidos dissolvidos (TDS) de 4,2 mg/L para 7,3 mg/L, ficando evidenciado o aumento de sólidos em suspensão e de dejetos orgânicos (esgoto e efluentes), enviados ao Lago por este tributário. O Ribeirão do Torto apresentou alguns valores anômalos relacionados à construção de ponte e aos resíduos de ligas metálicas. O Ribeirão do Bananal teve resultado diferenciado em relação aos outros tributários, no sedimento de fundo, associados à mineralogia, já que a maior concentração de AlO está associada à gibbsita e caulinita, e de Fe O a 2 3 2 3 goethita e hematita. Os valores obtidos para elementos traço estão relacionados a materiais geológicos com influência de material de origem antrópica, no qual a argila facilita a adsorção destes elementos (Sr, Cu, Y, Zn, V e Cr) pelo Al e Fe na forma amorfa. O material sólido em suspensão tem a seguinte composição média de Al com 55%, Fe com 31%, Ca com 9%, Mg e Ti com 2% e elementos traço com 1%. Os dados obtidos demonstraram que todos os tributários sofreram influência da ação antrópica, contudo a região de maior impacto urbano é o tributário Riacho Fundo, no qual se verificou a presença de contaminação por lixo, esgoto e atividades agrícolas. O Ribeirão do Bananal é o menos poluído por estar em região de conservação, no Parque Nacional. Dessa forma, recomenda-se um monitoramento constante nos tributários para evitar contaminação do Lago Paranoá por materiais transportados e, também, a recuperação de áreas já degradadas. A indicação para essa proposta de recuperação e avaliação contínua é o uso de discriminadores ambientais (o nitrato, fosfato e amônia) para análise de água e Zn,k2O e CaO no análise de sedimentos.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Geraldo Resende Boaventura; Eder de Souza Martins; Patrick Thierry Seyler

School:Universidade de Brasília

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:lago Paranoá urbanização impacto ambiental

ISBN:

Date of Publication:11/09/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.