Details

Caracterização de diagnósticos de enfermagem em crianças com cardiopatias congênitas: estudo num hospital especializado em doenças cardiopulmonares Characterization of nursing diagnoses in children with congenital heart disease: study at a specialized hospital in diseases cardiopulmonary

by da Silva, Viviane Martins

Abstract (Summary)
Os cuidados de enfermagem para crianças com cardiopatia congênita devem ser estabelecidos e executados tão logo se suspeite do diagnóstico de defeito cardíaco congênito, voltados sempre para a detecção precoce de sinais de descompensação e manutenção de condições ótimas para a cirurgia. Objetivou-se caracterizar o quadro de diagnósticos de enfermagem apresentados por crianças com cardiopatias congênitas. Estudo de natureza observacional, longitudinal desenvolvido nos meses de julho a novembro de 2004. A amostra foi composta por 45 crianças internadas em um hospital da rede pública do município de Fortaleza-Ceará. Para a coleta, foram utilizados entrevista e exame clínico de enfermagem. As crianças foram acompanhadas durante quinze dias de internamento desde a data de sua admissão. No período efetivaram-se seis avaliações diagnósticas com intervalo de 48 horas. O processo de elaboração e inferência dos diagnósticos e problemas colaborativos seguiu as etapas de coleta, interpretação / agrupamento das informações e nomeação de categorias. Foram encontrados 22 diagnósticos de enfermagem, 34 fatores relacionados e 13 problemas colaborativos diferentes nas 270 avaliações realizadas. Observou-se associação estatisticamente significante entre os diagnósticos Troca de gases prejudicada, Padrão respiratório ineficaz, Intolerância à atividade, Crescimento e desenvolvimento retardados e Perfusão tissular ineficaz. Estes diagnósticos apresentaram associação com os fatores relacionados: Desequilíbrio da ventilação-perfusão, Hiperventilação, Redução mecânica do fluxo sangüíneo, Secreções brônquicas e Secreções retidas. Os diagnósticos Intolerância à atividade e Crescimento e desenvolvimento retardados mostraram associação com o sexo feminino. Nos diagnósticos Troca de gases prejudicada, Padrão respiratório ineficaz, Intolerância à atividade, Crescimento e desenvolvimento retardados e Débito cardíaco diminuído, identificaram-se diferenças de média de sobrevida entre crianças até 4 meses e acima de 4 meses. Os diagnósticos Troca de gases prejudicada, Padrão respiratório ineficaz, Intolerância à atividade e Risco para infecção ocorreram precocemente no período de internamento. Entre os diagnósticos, seis evidenciaram maiores oscilações em suas trajetórias de ocorrência no tempo: Padrão respiratório ineficaz, Intolerância à atividade, Desobstrução ineficaz das vias aéreas, Hipertermia, Padrão de sono perturbado e Risco para intolerância à atividade. Foram construídos cinco modelos paramétricos no domínio tempo, com vistas a predizer a ocorrência desses diagnósticos de enfermagem. O ajustamento das equações para os diagnósticos Padrão de sono perturbado e Hipertermia denotou grande dispersão entre osdados e a linha de tendência, indicando que, além do tempo, outras variáveis determinam a proporção de crianças que manifestarão esses diagnósticos. Considera-se a importância de se realizar pesquisas de caracterização do quadro de diagnósticos para determinação das necessidades de assistência de enfermagem à criança cardiopata. O conhecimento da evolução temporal das respostas do indivíduo pode direcionar os cuidados de enfermagem para as reais necessidades do cliente, facilitando, assim, a escolha de intervenções mais adequadas.
Bibliographical Information:

Advisor:Lorena Barbosa Ximenes; Thelma Leite de Araújo; Telma Ribeiro Garcia; Paulo César de Almeida

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:enfermagem cardiopatias congênitas diagnóstico de continuidade da assistência ao paciente heart defects congenital nursing diagnosis continuity of patient care pediátrica

ISBN:

Date of Publication:02/25/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.