Details

Células de doadores normais primadas in vitro respondem ao antígeno ovular solúvel e ao peptídeo sintético MAP4 derivado da triose fosfato isomerase do Schistosoma mansoni.

by Gomes Reis, Eliana Almeida

Abstract (Summary)
Dados da literatura demonstram que os antígenos do Schistosoma mansoni induzem uma resposta imune de células T auxiliadora (Th) CD4+. Os eventos iniciais da respostaimune na esquistossomose são bem caracterizados no modelo murino. Entretanto, ainda são poucos os estudos que avaliam a resposta imune inicial desenvolvida em humanos,especialmente aquelas contra os antígenos mais relevantes do parasito. Para estudar esses eventos iniciais que ocorrem na resposta imune humana após a oviposição naesquistossomose mansoni, foi realizado o ?priming? a estimulação primaria in vitro (PIV), um sistema que simula as condições in vivo. Este sistema pode ser usado para estudar os eventos iniciais in vitro à semelhança de uma infecção natural. No estudo in vitro, foram utilizadas células dendríticas profissionais como células apresentadoras de antígeno. Célulasmononucleares do sangue periférico (PBMCs) de doze doadores normais saudáveis sem historia prévia de contacto com S. mansoni ou com qualquer de seus antígenos, foramprimadas com antígeno ovular solúvel (SEA) do S. mansoni ou múltiplos peptídeos antigênico (MAP4), contendo epitopos de células T e B derivado da triose fosfato isomerase. As célulasdendríticas foram previamente geradas, caracterizadas e em seguida incubadas na presença ou ausência de antígenos, posteriormente cultivadas na presença de PBMCs total por um período de sete dias para simular a infecção in vivo. As células primadas foram coletadas, lavadas e reestimuladas duas vezes. Em cada etapa do PIV foram determinadas as concentrações decitocinas nos sobrenadantes de culturas e a expressão dos marcadores de superfície das subpopulações de linfócitos, durante o ?prime? e após as reestimulações da primeira esegunda chamada. As PBMCs primadas com antígenos SEA apresentaram um perfil de células semelhante do tipo Th2, exceto 2/12 doadores que apresentaram uma respostasemelhante do tipo Th1. Diferente do observado para PBMCs primadas com SEA, PBMCs de todos doadores primados com MAP4 desenvolveram uma resposta semelhante do tipo Th1.Ambos os antígenos demonstraram semelhança com a resposta imune induzida em camundongo in vivo e in vitro. Os resultados sugerem que as DCs sensibilizadas com SEA ou MAP4 foram capazes de induzir proliferação e expansão clonal específica dos linfócitos.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Mitermayer Galvão dos Reis

School:Faculdades Oswaldo Cruz

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Citocinas Imunidade Celular Esquistossomose mansoni IMUNOLOGIA

ISBN:

Date of Publication:11/23/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.