Details

Degradação de dioxinas e furanos policlorados por fungos basidiomicetos ligninoliticos e sua aplicação em processo de biorremediação.

by dos Reis, Marcia Freire

Abstract (Summary)
As dibenzo-p-dioxinas e dibenzofuranos policlorados (PCDD/Fs) são compostos formados como subprodutos, não intencionais, em processos industriais e em processos de combustão, sendo a incineração de resíduos, a mais importante fonte destes compostos. Os isômeros com o cloro substituído nas posições 2,3,7,8 apresentam grande risco para a saúde humana devido a sua toxicidade, potencial carcinogênico, efeito potencial nos sistemas reprodutivos e imunológicos em animais e disrupção endócrina. Os PCDD/Fs são quimicamente estáveis, apresentam baixa solubilidade em água e se acumulam na cadeia alimentar. O risco à saúde pública por exposição às dioxinas e furanos em locais contaminados pode ser significante. Como resultado, a limpeza de ambientes contaminados por dioxinas é uma área que requer mais atenção. Técnicas microbiológicas são ferramentas úteis para a descontaminação de áreas contaminadas com materiais tóxicos pois não somente economizam energia como também reduzem a necessidade de adição de produtos químicos. Neste trabalho foram avaliadas 21 linhagens de fungos basidiomicetos e pré-selecionadas 7 capazes de crescer em meio contendo cinzas de incinerador, contaminadas com dioxinas e furanos policlorados (62 ng I- TEQ/ kg). Pleurotus sp CCB068 se destacou entre as 7 linhagens pré-selecionadas devido à alta produção das enzimas ligninolíticas MnP (±19U/L) e lacase (±17 U/L), produção de biossurfactantes, além de promover a redução da toxicidade do meio de cultivo contendo cinzas durante o período avaliado e, portanto, foi selecionado para ser utilizado em experimentos de degradação utilizando o dibenzofurano e PCDD/Fs. Quando cultivado em meio contendo diferentes concentrações de cinzas (50g/L;70g/L; 90g/L; 130g/L; 170g/L, 210g/L e 250g/L); foi verificado que a concentração de 70 g/L favoreceu uma maior produção de enzimas MnP e lacase por Pleurotus sp. CCBB068 com conseqüente redução da toxicidade do meio. Concentrações de cinzas superiores a 70g/L não favoreceram a produção das enzimas e também não atuaram na redução da toxicidade do meio para este fungo. Pleurotus sp. CCB068 degradou até 74% dos compostos após 21 dias de cultivo. Os resultados obtidos em experimentos de degradação de PCDD/Fs indicaram o grande potencial deste fungo para ser aplicado em processos de biorremediação, pois o mesmo foi hábil para degradar os 14 compostos dentre os 17 isômeros de PCDD/Fs avaliados após 64 dias de cultivo em meio contendo 70 g/L de cinzas. Determinações de metais pesados sugeriram também que Pleurotus sp CCB068 removeu 100% de cádmio, 47 % de cromo total e 15,2 % de chumbo das cinzas após 64 dias de cultivo.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Lucia Regina Durrant; Lucia Regina Durrant [Orientador]; Alexandre Nunes Ponezzi; Ranulfo Montealegre; Andrea Roberta Clemente; Hamilton Roberto Fortes Bavutti; Anderson Guerra; Fabiana Andre Falconi

School:Universidade Estadual de Campinas

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Toxicidade - Testes

ISBN:

Date of Publication:02/18/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.