Details

Mastócitos de camundongos BALB/c e C57BL/6 e a susceptibilidade a infecção por Toxoplasma gondii (cepas RH e ME-49)

by Santos Ferreira, Gabriela Lícia

Abstract (Summary)
No presente trabalho estudou-se: as características morfológicas eultra-estruturais dos mastócitos peritoneais de camundongos BALB/c eC57BL/6 e as modificações ocorridas nestes mastócitos após 24 e 48 horas deinfecção com a cepa RH de T. gondii; o número de mastócitos, neutrófilos,macrófagos e linfócitos do exsudato peritoneal de camundongos BALB/c eC57BL/6 após 24 e 48 horas de infecção com a cepa RH de T. gondii,utilizando-se a microscopia de luz; as características morfológicas dosmastócitos do intestino delgado de camundongos BALB/c e C57BL/6; ascaracterísticas morfológicas dos mastócitos do intestino delgado decamundongos BALB/c e C57BL/6, bem como as alterações morfológicas equantitativas ocorridas nos mastócitos destes camundongos após 8 dias deinfecção com a cepa ME-49 de T. gondii e/ ou tratados com o composto 48/80;as características histopatológicas do intestino delgado de camundongosBALB/c e C57BL/6 após 8 dias de infecção com a cepa ME-49 de T. gondii, amicroscopia de luz e a ocorrência de parasitismo no intestino delgado, fígado ecérebro de camundongos BALB/c e C57BL/6 após 8 dias de infecção com acepa ME-49 de T. gondii e/ ou tratados com o composto 48/80 através daanálise imunohistoquímica. À microscopia de luz e à microscopia eletrônicade transmissão os mastócitos do exsudato peritoneal de camundongos BALB/ce C57BL/6 controle apresentaram características morfológicas semelhantestanto na sua forma, quanto na quantidade e nas características de seus grânuloscitoplasmáticos assim como se observou que esses mastócitos ostentaramalterações morfológicas semelhantes, após 24 e 48 horas de infecção pela cepaRH de T. gondii. A análise do exsudato peritoneal revelou que emcamundongos BALB/c ocorreu um aumento do número de mastócitos,neutrófilos e macrófagos após 24 horas de infecção pela cepa RH de T. gondiie que este influxo não foi observado em camundongos da linhagem C57BL/6.Ao contrário do observado no influxo de linfócitos que foi, estatisticamente,inferior em camundongos BALB/C, após 24 e 48 horas de infecção, quandocomparado ao influxo observado em camundongos C57BL/6. O número demastócitos encontrados no intestino delgado de camundongos BALB/c foiestatisticamente superior ao encontrado em camundongos C57BL/6 e onúmero de campos parasitados foi maior em camundongos C57BL/6 apóscomparação com camundongos BALB/c. Tais resultados sugerem quemastócitos estão envolvidos na resposta inflamatória contra T. gondii e podemcontribuir para a resistência da linhagem BALB/c e para a susceptibilidade dalinhagem C57BL/6 contra T. gondii. Após comparação entre as duas linhagensde camundongos BALB/c e C57BL/6, notou-se que a diferença do número delinfócitos foi significativa após 24 e 48 horas de inóculo com PBS no exsudatoperitoneal de camundongos C57BL/6. A análise morfológica das diferentesregiões do intestino delgado (duodeno, jejuno proximal, jejuno distal e íleo) decamundongos BALB/c e C57BL/6 mostrou que os mastócitos foramencontrados, preferencialmente, na submucosa e na camada muscular. Àmicroscopia de luz mastócitos do intestino delgado de camundongos BALB/ce C57BL/6 após 8 dias de infecção com 20 cistos da cepa ME-49 de T. gondiiostentaram, nitidamente, alterações na quantidade e tamanho de seus grânuloscitoplasmáticos. O número de mastócitos do intestino delgado decamundongos BALB/c e C57BL/6 após 8 dias de infecção com a cepa ME-49de T. gondii foi superior em camundongos BALB/c. Os mastócitos foram,preferencialmente, encontrados no duodeno de camundongos BALB/c eC57BL/6 infectados e não infectados. A análise histopatológica do intestinodelgado de camundongos, após 8 dias de infecção com a cepa ME-49 de T.gondii, revelou um infiltrado inflamatório mais intenso no intestino delgado decamundongos C57BL/6 do que no de camundongos BALB/c. T. gondii foiencontrado no intestino delgado, fígado e cérebro de camundongos BALB/c eC57BL/6 após 8 dias de infecção com a cepa ME-49 e/ ou após infecção etratamento como o composto 48/80, utilizando-se análise imunohistoquímica.No intestino delgado de camundongos BALB/c não se observou alteração nonúmero de mastócitos após 8 dias de infecção com a cepa ME-49 de T. gondiie após 12 dias de tratamento com o composto 48/80.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Jose Roberto Mineo; Eloizio Julio Ribeiro; Neide Maria da Silva; Virmondes Rodrigues Junior; Ana Alice Diniz dos Santos

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:IMUNOLOGIA Toxoplasmose

ISBN:

Date of Publication:04/29/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.