Details

Avaliação da atividade antimicrobiana in vitro do dentifrício à base do extrato alcoólico de Rosmarinus Officinalis Linn. (ALECRIM) sobre cepas padrão de S. mutans, S. aureus e L. casei

by Alves Valones, Marcela Agne

Abstract (Summary)
O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade antimicrobiana do extrato alcoólico de Rosmarinus officinallis Linn. (Alecrim) sobre bactérias da cavidade oral, causadoras de patologias desta região. Para o estudo, utilizaram-se cepaspadrão de Streptococcus mutans (ATCC 25175), Lactobacillus casei (ATCC 7469) e Staphylococcus aureus (ATCC 9811), tendo como controle positivo a clorhexidina 0,12%. Folhas de alecrim foram tratadas com etanol, obtendo-se um extrato, e esse, rotaevaporado até a secura e diluído até 1:8 para arealização do Teste de Difusão em Ágar. Neste teste, placas de Petri foram semeadas com as bactérias e discos de papel embebidos com o extrato e suas diluições colocados sobre as placas. Em seguida, tais placas foram incubadas de acordo com as exigências de crescimento das bactérias, sendo os halos deinibição analisados. Observaram-se halos para S. mutans e S. aureus similares ao controle positivo clorhexidina, enquanto a CIM foi 30amp;#956;g/ml para S. aureus e 50amp;#956;g/ml para S. mutans e L. casei, resultados esses melhores do que os da literatura para o extrato de Rosmarinus officinalis Linn. Assim, o extratoalcoólico de alecrim apresenta atividade antimicrobiana sobre bactérias da cavidade bucal e pode ser empregado como apoio à prevenção e terapia das doenças cárie e periodontal
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Alessandra de Albuquerque Tavares Carvalho

School:Universidade Federal de Pernambuco

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Alecrim

ISBN:

Date of Publication:02/29/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.