Details

Análise da aplicabilidade do modelo proposto pela Agência Nacional de Águas (ANA) para compensações financeiras por benefícios ambientais e sua adequação às condições da Bacia do Itajaí, SC

by Pellizzetti, Maria Amélia

Abstract (Summary)
Uma das diretrizes estabelecidas pela Política Nacional de Recursos Hídricos (Lei No 9.433/97) é a articulação entre a gestão do uso do solo e a gestão dos recursos hídricos. Práticas agrícolas inadequadas podem prejudicar o potencial produtivo do solo e causar danos ao meio ambiente, além de impactar a produtividade das lavouras e a economia familiar, acelerando o êxodo rural. Incentivos financeiros paraestimular práticas agrícolas conservacionistas são considerados uma alternativa para a conservação do solo e dos recursos hídricos, uma vez que visam compensarfinanceiramente os benefícios ambientais gerados nas propriedades rurais e que se manifestam fora das propriedades, beneficiando toda a sociedade. Os objetivos dapresente pesquisa são a aplicação simulada do ?Programa Produtor de Água?, da Agência Nacional de Águas (ANA), em pequenas propriedades rurais da bacia hidrográfica do Itajaí (SC), o ajuste dos valores propostos para as culturas e práticas agrícolas encontradas na bacia e a avaliação da atratividade dos benefícios financeiros propostos e da disposição dos agricultores para proceder mudanças desuas práticas agrícolas. A metodologia utilizada está embasada no ?Manual Operativo do Programa Produtor de Água?, possuindo caráter exploratório. Foram obtidos dados sócio-econômicos e físicos de oito pequenas propriedades rurais, através da aplicação de questionários, de visitas e de levantamentos nas propriedades. Os resultados obtidos mostram que a aplicação do ?Programa Produtor de Água? seria viável nas condições regionais da bacia do Itajaí, levando a melhorias significativas das práticas agrícolas, por abranger cultivos de grãos, de hortaliças, de mandioca e pastagens. Os produtores rurais pesquisados aceitariamparticipar do referido programa, principalmente porque já realizam algumas práticas conservacionistas. Considerando a estrutura fundiária da região e as diferentes culturas e práticas realizadas, em caso de adesão de todos os produtores rurais da bacia do Itajaí, o valor necessário a ser investido seria de R$ 36.842.200,00/ano. Por fim, sugere-se a implantação de propriedades modelo para o estabelecimento do programa na região, onde o monitoramento das razões de perda de solo possa ser realizado, de maneira a confirmar os valores obtidos estabelecidos pela ANA e os sugeridos neste trabalho
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Luiz Renato D´Agostini; Pedro Cunha; Alexander Christian Vibrans

School:Universidade Regional de Blumenau

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:processos erosivos conservação de água e solo políticas públicas para manejo bacias hidrográficas Agência Nacional Águas (Brasil);Recursos hídricos - Legislação Brasil; Bacias Aspectos ambientais; Abastecimento Engenharias

ISBN:

Date of Publication:02/28/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.