Details

Avaliação da Imunogenicidade de Vacina Recombinante Brasileira (Butang) contra Hepatite B entre crianças do Rio de Janeiro?

by Miguel, Juliana Custódio

Abstract (Summary)
Recentemente, o Instituto Butantan (São Paulo) produziu a primeira vacina recombinante brasileira contra a Hepatite B ? Butang (BUT). Ministério da Saúde promoveu um estudo multicêntrico em 5 diferentes regiões do país em diferentes faixas etárias (Recém-nascidos, crianças, adolescentes e adultos). Como parte do projeto, nós avaliamos a imunogenicidade de BUT entre crianças de 1 a 10 anos provenientes do Educandário Social Lar de Frei Luíz, Rio de Janeiro, no período de 2001-2002. As crianças foram imunizadas com 3 doses (10 amp;#61549;g) de BUT (N=219) ou Engerix-B (EB, Glaxo SmithKline Biologicals, N=264), em esquema de 0,1,6 meses. Amostras de sangue foram coletadas antes da 1a dose (Co) e 28-100 dias após a 3a dose (C1). HBsAg, anti-HBc e anti-HBs foram testados em ensaios imunoenzimáticos comerciais (BioMerieux) (Co) e anti-HBc foi retestado em C1. Os títulos de anti-HBs foram determinados usando um ensaio imunoenzimático de quimioluminescência (Access Ab HBsII, Beckman-Coulter) e soroproteção foi definida como anti-HBs amp;#61619; 10 mUI/ml. A equivalência entre as vacinas foi definida como: i) Diferença de soroproteção amp;#61603; 5% (BUT-EB) e ii) Razão de TMG-BUT/TMG-EB gt; 0,67. A soroproteção foi observada em 100% e 97,7% das crianças, assim como TMGs de 3600 e 2761 de BUT e EB, respectivamente. A diferença de soroproteção foi de 2,3% e a razão de TMG foi de 1,3. Durante o projeto, avaliamos diferentes ensaios comerciais para estimar a resposta vacinal. Cento e sessenta e três utilizadas no projeto foram retestadas usando um ensaio de micropartículas (IMx AUSAB, Abbott Laboratories) e um método baseado na técnica do ELISA (ETI-AB-AUK-3, Diasorin). Os ensaios mostraram resultados concordantes. Os equipamentos foram analisados de forma pareada - Access/IMx, Access/Diasorin e IMx/Diasorin, os coeficientes de correlação linear (r) obtidos foram: 0,960, 0,913 e 0,943, respectivamente. A correlação mais forte obteve-se entre Access/IMx.Com estes resultados, concluímos que BUT mostrou-se equivalente à EB, podendo ser utilizada na faixa etária estudada sem restrições. As metodologias também se mostraram equivalentes, com uma forte correlação entre si (plt;0.01), demonstrando assim a confiabilidade do uso das três metodologias na análise da resposta vacinal.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Clara Fumiko Tachibana Yoshida

School:Faculdades Oswaldo Cruz

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Hepatite B Vacina Recombiante Brasileira (Butang) Crianças

ISBN:

Date of Publication:04/08/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.