Details

Cinética da Migração Celular Intradérmica em Hamsters Sensibilizadoscom Diferentes Constituintes Antigênicos de duas Vacinas ContraLeishmaniose Visceral Canina

by Dores Moreira, Nádia das

Abstract (Summary)
A imunoprofilaxia da leishmaniose visceral canina (LVC) representa uma importante medidade controle da infecção por Leishmania possibilitando a redução de casos caninos econseqüentemente da incidência da doença no homem. Embora uma vacina eficaz contra LVhumana e canina ainda não esteja disponível, muitos esforços têm sido dispendidos nesta áreanos últimos anos e vários candidatos a antígenos vacinais têm sido estudados em cães. Assim,este estudo teve como objetivo central avaliar a cinética de migração celular e os níveis deóxido nítrico (NO) no modelo hamster após inóculo das vacinas LEISHMUNE® e LBSap, bemcomo do adjuvante saponina e do antígeno vacinal de L. braziliensis isoladamente. Cento evinte hamsters foram alocados em cinco grupos experimentais, com 24 hamsters por grupo,entre os quais: (i) grupo SALINA que recebeu inóculo com solução salina estéril 0,85%; (ii)grupo SAPONINA inoculado com 100 ?g do adjuvante saponina; (iii) grupo LB inoculadocom 60 ?g do antígeno de L. braziliensis; (iv) grupo LBSap que recebeu 60 ?g do antígeno deL. braziliensis associado a 100 ?g do adjuvante saponina; (v) grupo LEISHMUNE® inoculadocom 150 ?g do antígeno FML liofilizado associado a 100 ?g de saponina. Os diferentesestímulos foram preparados em solução salina estéril 0,85%, sendo inoculados 200 ?L por viaintradérmica na região abdominal. Os resultados obtidos neste trabalho nos permitem afirmarque o Hamster (Mesocricetus auratus) é um bom modelo para avaliar a resposta imune inatapossibilitando um melhor entendimento dos eventos celulares desencadeados in situ peloprocesso de inoculação e podem contribuir no direcionamento de uma resposta imune protetoraem vacinas. O estudo de cinética de migração celular contribui de forma marcante para aseleção prévia de antígenos vacinais e adjuvantes, antes mesmo de serem testados em cães,sobretudo no que diz respeito aos aspectos relacionados à inocuidade e imunogenidade,auxiliando na bioprospecção de novos potenciais candidatos vacinais contra LVC. As discretasreações locais verificadas pós-sensibilização com o adjuvante saponina nos permitem indicarseu emprego em outros modelos experimentais. A SAPONINA é capaz de promover aumentode neutrófilos e redução de linfócitos circulantes no período precoce, enquanto LB, LBSap eLEISHMUNE® promoveram aumento de neutrófilos no período tardio indicando umamobilização destas células em nível sistêmico logo após a sensibilização pela SAPONINA euma regulação deste fenômeno devido à associação com antígenos de Leishmania sp.. Alémdisto, a SAPONINA é capaz de promover redução de linfócitos circulantes no período precoce,enquanto a LBSap promove redução tardia, e a LEISHMUNE® promove redução desta céluladurante toda cinética, indicando que a SAPONINA auxilia na mobilização desta população queesta sendo recrutada juntamente com neutrófilos a migrarem para o local do inóculo. No sítiodo inóculo ocorre redução tardia de neutrófilos no processo inflamatório em animaisinoculados com SAPONINA, LBSap e LB com tendência a manutenção desta população grupoLEISHMUNE®, indicando a participação de neutrófilos na resposta imune inata apóssensibilização com antígenos e adjuvantes vacinais. No grupo LB observou-se redução precocede linfócitos na derme enquanto que nos grupos SAPONINA e LBSap um recrutamento tardio,indicando o papel desta no recrutamento de células apresentadoras de antígeno com a induçãoda migração de linfócitos até mesmo no período tardio. A SAPONINA promove umrecrutamento precoce e persistente de macrófagos enquanto as vacinas LBSap eLEISHMUNE® apresentam uma tendência da manutenção desta população na derme,indicando que a associação do adjuvante aos antígenos parece influenciar na queda damigração de monócitos in situ. O aumento dos níveis de NO sérico nos grupos LEISHMUNE®e LBSap indica a participação de citocinas do tipo 1, como IFN-?, que podem ser fundamentaisna polarização da resposta imune adquirida protetora durante o processo vacinal.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Claúdia Martins Carneiro; Wanderson Geraldo de Lima; Elenice Moreira Lemos; Alexandre Barbosa Reis

School:Universidade Federal de Ouro Prêto

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:1 hamster teses 2 leishmaniose 3 vacinação de animais 4 cães doenças i universidade federal ouropreto ii título imunologia

ISBN:

Date of Publication:01/29/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.