Details

Vacinação contra a gripe em idosos não institucionalizados : estudo de base populacional

by Dip, Renata Maciulis

Abstract (Summary)
A gripe apresenta um grande impacto na morbidade e na mortalidade dos idosos. A medida mais efetiva para evitar as complicações dessa doença é a vacinação. Este estudo, de base populacional, realizado por meio de inquérito domiciliar, teve por objetivos estimar a cobertura vacinal contra a gripe em idosos não institucionalizados, analisar os fatores associados à não adesão e identificar os eventos adversos após a vacinação. A população de estudo foi constituída pelos idosos residentes na área de abrangência do Programa Saúde da Família da Unidade Básica de Saúde Vila Brasil, no município de Londrina, Paraná. A amostra foi calculada em 425 idosos, divididos em quotas a serem preenchidas em cada setor censitário da área de estudo. Houve 29 perdas (6,8%), por recusa à participação ou pelo fato de o idoso não ter sido encontrado no domicílio após 4 tentativas de visita. Foram entrevistados 396 idosos, com idade entre 60 e 95 anos. A média de idade encontrada foi de 72,1 anos, sendo que 56,1% eram mulheres, 58,6% tinham menos de 5 anos de escolaridade e 17,2% pertenciam às classes econômicas D ou E. Embora 100% dos idosos referissem conhecer a vacina, apenas 5,3% referiram o médico como fonte da informação. A cobertura vacinal foi de 73,0%. Dentre os que não se vacinaram 83,2% (89 idosos) alegaram como motivo da não adesão o desejo explícito de não ser vacinado. E as principais justificativas para isso foram o medo de eventos adversos após a vacinação e a falta de credibilidade na eficácia ou na necessidade da vacina. Apesar disso, neste estudo a prevalência de eventos adversos foi baixa (6,6%). O único evento adverso referido foram sintomas gripais até duas semanas após a vacinação. Na análise multivariada, idade (< 70 anos), tabagismo (ser tabagista) e ter referido ausência de consulta médica no último ano associaram-se de forma independente a menor adesão à vacinação. Os resultados apresentados apontam a necessidade de esclarecimento da população quanto aos baixos níveis de eventos adversos após a vacinação assim como sobre sua necessidade e sua real eficácia. Evidenciou-se também a necessidade de melhorias nas campanhas de vacinação especificamente para dois grupos diferentes: idosos abaixo de 70 anos e idosos tabagistas. Nesse sentido, são necessários estudos para o desenvolvimento de linguagem mais adequada para cada grupo de menor adesão.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Marcos Aparecido Sarria Cabrera; Marcos Aparecido Sarria Cabrera [Orientador].; Maria Rita Donalisio; Olavo Franco Ferreira Filho

School:

School Location:

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Influenza - Vacina Idosos Vacinação Saúde pública

ISBN:

Date of Publication:12/04/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.