Details

A (con) vivencia da mulher gravida com a vacina contra rubeola

by Tonzar Ristori, Lucia Maria

Abstract (Summary)
Trata-se de um estudo descritivo/exploratório com abordagem qualitativa cujo objetivo é descrever o significado da vacina contra a rubéola para mulheres que se descobriram grávidas após receberem a vacina dupla viral, por ocasião da campanha contra rubéola2001, na DIR XX de São João da Boa Vista (DIR XX). Pretende-se, também, analisar a percepção das mulheres relativa às orientações recebidas por ocasião da campanha e durante o acompanhamento pré-natal e como foram apoiadas para enfrentar o processo. O estudo foi realizado nos municípios pertencentes à DIR XX e os sujeitos da pesquisa foram 18 mulheres grávidas e mulheres que engravidaram até 30 dias após aplicação da vacina contra rubéola, consideradas suscetíveis para a rubéola, residentes em 10 municípios da região. Foi utilizado como quadro teórico a teoria das representações sociais, tecnologia em saúde e os aspectos clínicos, epidemiológicos e preventivos da rubéola e da síndrome da rubéola congênita. A coleta de dados foi realizada através de entrevistas semi-estruturas, gravadas. A ordenação dos dados foi realizada através da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo proposta por Lefèvre e Lefèvre, emergindo dois temas: I. A mulher. A campanha de vacinação contra a rubéola. O acompanhamento prénatal. II. O significado da vacina contra a rubéola (representada socialmente como ameaça a integridade física da mulher, à de seu filho e ao seu relacionamento conjugal). Os resultados revelaram que o processo de orientação da mulher nas várias fases da atenção foi normatizado, fragmentado, muitas vezes, inadequado e sem qualificação, de modo a não favorecer o "empowerment" e não ajudar a mulher a atravessar com tranqüilidade a situação vivenciada. Observou-se profissionais de saúde despreparados tecnicamente para proverem o cuidado às mulheres, falta de integração entre os serviços, gerando descontinuidade e a não oportunidade da atenção, bem como a não incorporação de toda tecnologia de saúde disponível, no cuidado com a mulher. Constatou-se a importância das redes de apoio social e profissional auxiliando no enfrentamento da situação. As mulheres, através do discurso, desvelaram a situação vivenciada por elas e a diversidade de significados da vacina contra a rubéola quando aplicada durante a gravidez. Constitui-se um grande desafio para gestores e profissionais de saúde a produção do cuidado, ao se disponibilizar procedimentos em saúde. O estudo está inserido na linha de pesquisa - processo de cuidar em saúde e enfermagem, área temática - saúde da mulher
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Antonieta Keiko Kakuda Shimo; Antonieta Keiko Kakuda Shimo [Orientador]; Maria Jose Bistafa Pereira; Ana Regina Borges Silva

School:Universidade Estadual de Campinas

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Gravidez Vacinação Representação social Apoio

ISBN:

Date of Publication:09/01/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.