Details

Caracterização competitiva de Alternanthera tenella, Tridax procumbens e Digitaria ciliaris com soja em condições de deficiência hídrica

by Vivian, Rafael

Abstract (Summary)
A complexidade dos fatores que definem a competição entre plantas tem sido questionada por inúmeros pesquisadores com o objetivo de definir a capacidade mútua de desenvolvimento e adaptação de espécies aos mais distintos ambientes. Porém, com o uso intensificado de herbicidas, as pesquisas com plantas daninhas deixaram de focar as características ecofisiológicas das espécies em detrimento à delimitação das formas e períodos de controle. Por meio deste estudo, buscou-se caracterizar a competição de três espécies de plantas daninhas (Alternanthera tenella, Tridax procumbens L. e Digitaria ciliaris (Retz.) Koel) com a espécie cultivada Glycine max L. Merril (soja), avaliando-se as alterações de cada espécie, em monocultivo ou competição, quando submetidas à deficiência hídrica (DH) temporária O estudo foi dividido em três experimentos realizados em câmara de crescimento, sob condições controladas de luz, temperatura e umidade relativa do ar. As plantas foram cultivadas em vasos de 4 litros e fertirrigadas diariamente, efetuando-se o controle do conteúdo de água adicionado por meio do método gravimétrico de pesagens. A DH foi estabelecida entre o 20º e 40º dia após o transplante das mudas. Para cada experimento, utilizou-se o sistema de séries substitutivas para avaliação da competição intra e interespecífica das espécies, mantendo-se o total de duas plantas por vaso. As avaliações ocorreram aos 20, 35, 50, 70 e 90 dias após instalação de cada experimento, com verificação da partição de fotoassimilados em raiz, caule, folhas e frutos, além da sua altura e área foliar. Avaliou-se também as trocas gasosas, por meio de equipamento portátil, registrandose a fotossíntese líquida (FL), respiração (R), transpiração (Tr) e condutância estomática (Cn) em cada período, com avaliação da curva de resposta à saturação luminosa. Incluíram-se ainda, as análises de Nitrato Redutase (NR) em folhas, para comparar a atividade enzimática em condições de DH. As avaliações dos teores de macronutrientes foram realizadas aos 50 dias de cultivo, comparando-se as quantidades totais extraídas de cada espécie. Os resultados evidenciam efeitos competitivos distintos entre espécies, principalmente às plantas submetidas à DH. Foi comprovada maior competição intra-específica (P<0,05) de soja e diminuição do efeito competitivo da cultura com as plantas daninhas, em condições de DH. As análises revelam maior tolerância, na maioria das plantas daninhas avaliadas, ao baixo conteúdo de água, principalmente para A. tenella. A menor disponibilidade hídrica também foi significativa na redução da FL das plantas na maioria dos experimentos, incluindo a diminuição na duração de área foliar e na eficiência de uso da água. A atividade da NR foi maior (P<0,05) para a soja em relação às demais espécies e períodos avaliados, demonstrando alta atividade de metabolização do nitrogênio. A sensibilidade da NR para a DH também foi ressaltada nas análises enzimáticas, embora não tenha ocorrido para todas as plantas daninhas. O efeito da DH também interferiu no acúmulo de fósforo, potássio e magnésio para A. tenella. Para T. procumbens, verificou-se alteração nos teores de potássio e magnésio em folhas e caules, respectivamente, quando submetida à DH. Apesar dos altos teores de macronutrientes constatados para as plantas daninhas, o conteúdo total extraído a partir do solo foi menor em relação à cultura, devido às diferenças na massa de matéria seca total. Todavia, D. ciliaris apresentou maiores concentrações de potássio e magnésio foliares, apresentado teores totais acumulados de macronutrientes similares a soja. Entre as plantas daninhas avaliadas, D. ciliaris demonstrou-se altamente competitiva em termos de FL e massa dematéria seca total, incluindo-se ainda a possibilidade de efeito alelopático sobre a cultura em condições de deficiência hídrica. Considerando-se os resultados obtidos, admite-se que o efeito competitivo é extremamente complexo e que a DH pode alterar completamente as características competitivas entre espécies, embora seja difícil sua distinção dos demais fatores do meio. Para isso, orienta-se para que mais estudos possam ser desenvolvidos nesta linha de pesquisa.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Durval Dourado Neto; Decio Karam; Ricardo Ferraz de Oliveira; Antonio Alberto da Silva; Ricardo Victoria Filho; Durval Dourado Neto

School:Universidade de São Paulo

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Água - Disponibilidade Ecofisiologia vegetal Plantas daninhas Competição Soja.

ISBN:

Date of Publication:03/26/2009

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.