Details

Variáveis ambientais e a distribuição de espécies arbóreas em uma floresta estacional decidual no Triângulo Mineiro

by de Souza, João Paulo

Abstract (Summary)
O objetivo do presente estudo foi de caracterizar a estrutura fitossociológica do estratoarbóreo de uma floresta estacional decidual e relacionar a distribuição das espécies maisabundantes da floresta com fatores ambientais (solo e topografia). Para o levantamentofitossociológico foram utilizadas 50 parcelas de 10m x 20m, totalizando 1 ha, onde todos osindivíduos arbóreos com circunferência mínima de 15 cm a altura de 1,30m foramamostrados. Foram coletadas uma amostra composta, de 0 a 10cm de profundidade, emcada parcela e analisados o pH, conteúdo de C e a disponibilidade de P, K, Ca, Mg, Al, Fe,Mn, Zn e Cu. Para obtenção dos desníveis na área de estudo foi utilizado o método demangueira de nível. Uma análise de correspondência canônica foi utilizada para verificar arelação entre a distribuição das espécies mais abundantes (≥ 10 indivíduos) e as variáveisambientais. Foram encontradas 60 espécies distribuídas em 27 famílias com um índice dediversidade de Shannon de 2,84 nats/indivíduo. Myracrodruon urundeuva Allem. eTabebuia roseo-alba (Ridl.) Sandwith, representaram 32,6% do valor de importância total.O solo apresentou-se rico em Ca e Mg. Na análise de correspondência canônica foievidenciado que a maioria das espécies se distribuem em toda a floresta, alterando apenassuas abundâncias por causa de variações na disponibilidade de nutrientes do solo econdições topográficas, porém não ficando restritas a esses fatores.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Glein Monteiro de Araújo; Mundayatan Haridasan; Ivan Schiavini

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Ecologia vegetal Comunidades vegetais Florestas Essências florestais

ISBN:

Date of Publication:02/23/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.