Details

Tratamento de superficie de tecido de poliamida 6.6 com plasma e, ou quitosana

by Abatti, Dirceu

Abstract (Summary)
Tratamentos com plasma ou com o biopolímero quitosana podem afetar unicamente a superfície das fibras, melhorando características como hidrofobicidade e formação deeletricidade estática, e conseqüentemente facilitar os processos industriais. O objetivo principal deste estudo é a aplicação de tratamentos superficiais físicos e/ou químico, emtecidos de malha náilon 66, por plasma e/ou quitosana, e avaliar a influência destes prétratamentos nas propriedades químicas e de superfície dos tecidos tratados. Amostras detecidos de náilon 66 foram tratadas com plasma em um reator de corrente contínua utilizando como gás de plasma O2 e N2. O tratamento com quitosana foi realizado utilizando umasolução 1,0 g/L, numa relação de banho de 1:20, sob agitação constante a 60ºC durante 60 minutos. Também foram testadas outras condições de tempo e concentração de quitosana. Após os tecidos foram impregnados em um foulard de laboratório e deixados secar ao ar. Algumas amostras do tecido foram também tratadas com quitosana anteriormente ao plasma. Os tratamentos foram avaliados através de medidas de umectação por capilaridade, grau deintumescimento, resistência ao estouro, formação de ?pilling? e mudanças na superfície por microscopia eletrônica de varredura (MEV). Realizaram-se tingimentos com corante ácido, onde se determinou a porcentagem de esgotamento do banho, o valor de intensidade colorística (K/S) dos tecidos tintos, além dos testes de solidez. Quanto ao grau de intumescimento verificou-se que todos os tratamentos realizados levaram ao aumento da porcentagem de água absorvida nos tecidos, entretanto o teste de umectação por capilaridade demonstrou que só as amostras tratadas com plasma ou plasma/quitosana apresentaram melhoras significativas no tempo de umectação, indicando aumento da afinidade do tecido pela água. Não houve perdas significativas da resistência dos tecidos ou aumento da tendência à formação de "pilling" após os tratamentos. As análises por microscopia mostram a formação de uma superfície mais rugosa quando comparado as amostras não tratadas. Quanto à porcentagem de esgotamento, todas as amostras tratadas e tingidas apresentaram pequenas melhoras no esgotamento dos banhos de tingimento em relação às amostras não tratadas, principalmente na presença de quitosana. Não houve influência significativa nos testes de solidez e nos valores de K/S dos tecidos tingidos, medido por espectrofotômetro de remissão
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Luiz Cesar Fontana; Guilherme Mariz de Oliveira Barra; Elcio Schuhmacher; Ivonete Oliveira Barcellos; Edesio Luiz Simionatto

School:Universidade Regional de Blumenau

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:náilon 66 quitosana tingimento Tingimento - Química; Poliamidas Fios de

ISBN:

Date of Publication:

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.