Details

Signos em animação: uma introdução à linguagem do desenho animado

by Alvares Marinho, Celisa Carolina

Abstract (Summary)
O propósito desse trabalho é elaborar um estudoacerca da linguagem do Desenho animado. A amplitude do tema,muito genérico, levou-nos a selecionar um corpus fílmico decunho metalinguístico que, por si, já repousa exatamentenoque podemos considerar como cerne dessa linguagem. A construtividade do discurso animado, exposta nestes trabalhos queestamos analisando, levou-nos a traçar um percurso diacrônico em que retomamos alguns momentos históricos significativos, que fornecem a sustentação adquirida hoje, em termos decriar o suporte necessário para organização desse trabalho.Dessa forma, dividimos essa dissertação em três grandes momentoscompartimentados nos respectivos capítulos que resumimos brevemente aqui.O Contexto Histórico da Arte da Animação, comochamamos nosso primeiro capítulo, objetiva um breve resgate dos principais momentos de desenvolvimento da ArteAnimada.A questão embrionária, responsável pela organização e existênciadesta forma de expressão, foi a tentativa de representaro movimento. Apontamos para alguns indícios pré-existentes, intentando a reprodução da vida na animação de figuras, que ficaram registradas como precursoras do DA tal como o conhecemos hoje. Foram momentos marcantes no desenvolvimento da Animação que já traziam embutido o mecanismo básico, o mapeamento sintático por assim dizer, que culminaria no desenvolvimento tecnológico permitido pela invenção da câmera cinematográfica na qual o DA se apoiou para se configurar como um sistema de signos.No segundo capítulo, que chamamos A Linguagem do Desenho Animado, entramos já no mérito propriamente de seu discurso. A paternidade estética da narratividade do DA repousou nos campos da História em Quadrinhos e do Cinema, extraindo a morfologia para construção da sintaxe animada - da animação das imagens ao traço dos desenhos. A trilha sonora viria arrematar a composição deste discurso, ampliando sua dimensão expressiva. O motivo temático, indicando a semântica narrativa, retoma o humor em suas diversas variantes indo da sátira ao cômico. Velhas e conhecidas heranças trazidas para funcionalidade de um novo contexto que objetiva basicamente trabalhar a brincadeira mágico-encantatória das imagens copiadas e criadas do fantástico imaginário.Dada essa trajetória, pudemos chegar à Metalinguagem Paródica do Desenho Animado, como intitulamos nosso terceiro capítulo. Nesse momento, em que temos toda uma solidificação desta linguagem, já é possível ir ao Meta do requintamento linguístico, analisando trabalhos que consideramos representativos justamente por seu alto nível de elaboração. O traço que realiza a animação traduz aqui o jogo do prazer no exercício lúdico que sustenta. Os trabalhos escolhidos para análise neste capítulo são decupados no quadro-a-quadro dos desenhos para facilitar a apreciação interpretante sobre cada um deles. Registrar a qualidade metalinguistica e apontar a paródia que opera em cada caso é o objetivo deste capítulo que organiza um nível descritivo para culminar na interpretação deste registro léxico-sintático de um DA que aponta para atualidade
Bibliographical Information:

Advisor:Samira Chalhub

School:Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:comunicacao desenhos animados e semiotica

ISBN:

Date of Publication:12/30/1992

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.