Details

Risco e Competição Bancária no Brasil

by D'Ávilla de, Luiz Alberto

Abstract (Summary)
Esta pesquisa investiga o relacionamento entre o nível de risco e o grau de competição bancária. O trabalho define a estatística-H do modelo de Panzar amp; Rosse e o Índice de Basiléia como medidas de competição e risco, e utiliza o modelo de Bolt amp; Tieman para esclarecer o relacionamento entre competição e risco. Dada a relevância do debate entre Allen amp; Gale, Grochulski amp; Kareken e Kahn, foi mensurada uma segunda medida de competição que identifica os efeitos da concentração (Índice de Herfindahl-Hirschman). Os resultados desta pesquisa são: (a) a conclusão do modelo teórico de Bolt amp; Tieman no mercado brasileiro é válida, a maior competição implica em maior exposição ao risco independente da medida de competição utilizada, (b) não mostrou significância na relação entre competitividade (estatística H) e oferta de crédito e (c) os bancos brasileiros operam em concorrência monopolista.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Luiz Ivan de Melo Castelar; Paulo de Melo Jorge Neto

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:ECONOMIA Sistema financeiro, bancos, competição, risco, regulação bancária, Acordo de Basiléia.

ISBN:

Date of Publication:04/15/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.