Details

Resposta do cafeeiro (Coffea arabica L.) à lâminas de irrigação por gotejamento

by da Silva, César Antônio

Abstract (Summary)
O objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento vegetativo, produção equalidade de grãos do cafeeiro Rubi, linhagem MG-1192, cultivado sob lâminas deirrigação durante cinco anos consecutivos. O experimento foi conduzido num LatossoloVermelho distrófico de textura argilosa, na Fazenda Experimental do Glória, situada a18º58? de latitude sul e 48º12? de longitude oeste, e altitude de aproximadamente 890m, no município de Uberlândia, em Minas Gerais, Brasil. O clima local é do tipo Cwa,sendo o inverno seco e o verão quente e chuvoso. O delineamento experimental foi emblocos casualizados, com quatro repetições e oito tratamentos de lâminas de irrigação,iguais a 0% (sem irrigação), 30%, 60%, 90%, 120%, 150%, 180% e 210% daEvaporação em tanque ?Classe A? ? ECA. O plantio foi realizado em janeiro de 2001,no espaçamento de 3,5 m entre linhas e 0,7 m entre plantas. As parcelas foramconstituídas por três fileiras com oito plantas cada, sendo avaliadas as quatro plantascentrais da fileira central. Foi adotado o sistema de irrigação por gotejamento, comemissores autocompensantes de vazão 3,5 L h-1, sendo as irrigações realizadas àssegundas, quartas e sextas-feiras. Diariamente, foram coletados os dados de precipitaçãopluvial, evaporação de água em tanque ?Classe A?, temperatura e umidade relativa doar. O manejo da lavoura foi realizado com aplicação de micronutrientes, via foliar, eadubação de produção, via convencional, na região da ?saia? do cafeeiro. O controle depragas, doenças e plantas invasoras foi estabelecido conforme a necessidade. As plantasinfestantes foram manejadas com roçadeira nas entrelinhas e aplicação de herbicida aolongo das linhas. Anualmente (de 2002 a 2006), foram mensurados a altura do cafeeiro,diâmetro de copa e de caule, comprimento de ramos plagiotrópicos e número deentrenós no ramo ortotrópico. A partir de 2003, em quatro colheitas consecutivas,avaliou-se a produtividade, rendimento e renda, e em 2006, a qualidade dos grãos. Comrelação ao desenvolvimento vegetativo do cafeeiro, os melhores resultados foramobtidos com lâminas variando de 136,3% a 149,2% da ECA. A produtividade máximaalcançada foi de 115 sacas de 60 kg por hectare, obtida em 2004, com a lâmina de164,1% da ECA. A irrigação não amenizou o efeito da bianualidade, já que, em 2005, aprodução foi relativamente baixa. Entretanto, o uso desta técnica diminuiu o percentualde grãos grandes (peneiras 19, 18 e 17) e aumentou o de grãos médios (peneiras 16 e15), não interferindo na qualidade da bebida de café.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Benjamim de Melo; Reges Eduardo Franco Teodoro; João Paulo Arantes Rodrigues da Cunha; Sérgio Jerônimo de Andrade

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Crescimento vegetativo Produção Qualidade de grãos Manejo irrigação AGRONOMIA Café - Irrigação

ISBN:

Date of Publication:10/19/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.