Details

Religiosidade e modos de vida : a (re)construção do lugar nacomunidade rural Tenda do Moreno em Uberlândia - MG

by de Andrade, Rodrigo Borges

Abstract (Summary)
Neste trabalho, procurou-se analisar o processo de formação e reorganização dolugar, a partir do mundo vivido dos pequenos produtores rurais da comunidadeTenda do Moreno, localizada no município de Uberlândia-MG, sendo que foramconsiderados os costumes, práticas culturais e religiosas, bem como as relaçõessociais de produção. O principal objetivo foi analisar como se deu a construção dolugar e os arranjos sociais e culturais que permitem às pessoas se reproduziremenquanto uma comunidade, no contexto do século XXI. As origens históricas da suaformação territorial estão ligadas à instalação das primeiras propriedades rurais domunicípio, no início do século XIX, cujo contingente populacional, representado pordonos de terras, agregados e parceiros, foi responsável pelo surgimento de bairrosrurais que posteriormente tomaram a forma da comunidade Tenda do Moreno. Osconteúdos sociais e a substância do lugar se caracterizaram pela influência dareligiosidade nos modos de vida, os quais estabeleciam práticas sócio-culturaispermeadas por valores morais e religiosos comuns e promoviam a sociabilidade ereciprocidade entre as pessoas, como no caso das relações sociais de produção,baseadas na instituição da ajuda mútua, no mutirão e na traição. A produção dasfazendas era mediada pela conquista dos meios de vida com excedentesdirecionados para a geração de rendimentos monetários. No entanto, essa realidadefoi mudada a partir da década de 1980, quando a modernização das atividadesagropecuárias, no município de Uberlândia, e a demanda dos mercadosconsumidores urbanos por produtos hortifrutigranjeiros impuseram a subordinaçãodos pequenos produtores à lógica do capital, por meio da especialização produtivaem hortifruticultura. Essas mudanças ocasionaram o declínio da produção desubsistência familiar, devido a sua mercantilização, e também afetaram, diretamente,parte das práticas sócio-culturais e religiosas ligadas à sociabilidade comunitáriaentre os moradores. Apesar disso, o lugar se particularizou por mesclar diferentesrelações de produção advindas de temporalidades sociais que permaneceram nomesmo espaço, ou seja, a chegada de elementos e conteúdos ditos modernos nãoeliminou as possibilidades de reprodução do lugar por meio de práticas sócioculturaistípicas de outros momentos históricos. As contradições e complexidadesinscritas no mundo vivido da comunidade criam representações que se manifestamcomo necessidades da promoção dos festejos religiosos, principalmente da festa deSão José do Moreno, como oportunidade de as pessoas vivenciarem costumes noseu tempo livre, mesmo que residuais, dos modos de vida tradicionais, os quaisestiveram implicados na construção do lugar. Atualmente (2007), a festa de SãoJosé do Moreno se constitui em uma manifestação religiosa que envolve osmoradores do lugar. Como construção histórica, a comunidade Tenda do Morenotem, nos eventos religiosos, nas festas e rituais comunitários, momentos desociabilidade formados em diferentes situações e condições sociais, que penetramna vida das pessoas, enraízam-se no lugar e tornam-se vínculos afetivos esubjetivos que, muitas vezes, aparecem como espaços apropriáveis para a vida.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Maria Geralda de Almeida; Mônica Chaves Abdala; Rosselvelt José Santos

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Religiosidade Sociabilidade Comunidade GEOGRAFIA Geografia humana rural - Desenvolvimento Uberlândia (MG)

ISBN:

Date of Publication:10/26/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.