Details

A Regra de Taylor e a Recente PolíticaMonetária Brasileira

by Freire, Leonardo Porto

Abstract (Summary)
Este estudo buscou analisar se a prática da recente política monetária brasileira poderia ser explicada pela Regra de Taylor, que recomenda uma meta, para a taxa de juros básicada economia, baseada em quatro fatores: a taxa de inflação corrente; a taxa de juros real de equilíbrio; um fator de ajuste do desvio da inflação, baseado na diferença entre a taxa de inflação e a meta para inflação; e um fator de ajuste do desvio do produto, baseado na diferença entre o produto real e o produto real potencial.O Período observado foi de 1995/07 a 2003/12, e foram estabelecidas as três seguintesanálises :a) Em Nível I ? verificaram-se as relações entre séries dos níveis efetivos da Selic e séries dessa Taxa sugerida por regras do tipo Taylor bem próximas da proposição original;b) Dinâmica- estimaram-se equações com base em um modelo Dinâmico da Regra de Taylor e verificou-se o poder de explicação dessas quanto às variações efetivas da Taxa Selic; ec) Em Nível II- estimaram-se equações com base na estrutura de Taylor e verificou-se o poder de explicação dessas quanto aos níveis efetivos da Taxa Selic.Os resultados apontam para a idéia de que a Regra de Taylor, apesar de tratar-se de uma regra simples de política monetária, teria, em seu escopo, elementos importantes paraexplicar a política monetária brasileira no período analisado.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Pichai Chumvichitra

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:ECONOMIA Regra de Taylor Política Monetária Taxa Juros Inflação

ISBN:

Date of Publication:09/28/2004

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.