Details

Potencial dos reguladores de crescimento de insetos (IGRs) Diflubenzuron e Methoprene, no controle de Aedes aegypti (L.) (Diptera: Culicidae) em Uberlândia - MG

by da Silva, Juliana Junqueira

Abstract (Summary)
Aedes aegypti (L.), vetor da febre amarela urbana e da dengue, é controlado no Brasilutilizando-se principalmente o organofosforado Temephos. Tem-se registrado a ocorrência deresistência deste mosquito ao Temephos aqui e em outros países. Os Reguladores deCrescimento de Insetos (IGRs) Diflubenzuron (inibidor de síntese de quitina ) e Methoprene(análogo ao hormônio juvenil) são um grupo de inseticidas que afetam o desenvolvimento doinseto. A susceptibilidade de A. aegypti a estes IGRs foi investigada em Uberlândia a partir daobtenção das concentrações letais para 50% e 95% da população de mosquitos (CL50 eCL95) e sua atuação nas formas imaturas deste mosquito. Também foram investigados outrosaspectos da susceptibilidade tais como, atividade residual destes IGRs e efeitos de dosagenssubletais sobre a simetria, tamanho, peso, fecundidade, fertilidade e longevidade de adultos.Os experimentos foram realizados em laboratório com indivíduos de uma colônia origináriade ovos colhidos na região urbana de Uberlândia. O número de réplicas dos grupos tratados econtroles se manteve em seis em todos os experimentos. Foi adotado o nível de confiança de95% em todas as análises estatísticas. As CL50 e CL95 obtidas para Diflubenzuron eMethoprene foram: 5,19 e 12,24 ppb; 19,95 e 72,08 ppb, respectivamente. Diflubenzuronmostrou-se efetivo em todos os estádios larvais, enquanto Methoprene causou maiormortalidade quando o mosquito foi exposto a partir do início do quarto estádio larval. Asformulações comerciais dos IGRs apresentaram maior atividade residual que suas respectivasformulações técnicas. Níveis aumentados de assimetria flutuante foram observados nosmosquitos expostos ao Diflubenzuron. Fêmeas tratadas com Methoprene apresentaram menorpeso que as não tratadas. Por outro lado, a longevidade do mosquito foi reduzida nos grupostratados com ambos os produtos. Os valores das CL50 e CL95 registrados para Diflubenzuronestão dentro do intervalo de variação observados na literatura para este IGR. Já os valoresregistrados para Methoprene estão acima dos observados em outros locais, indicando umarelativa tolerância natural da população de A. aegypti de Uberlândia a este IGR. No entanto,os resultados aqui obtidos indicam Diflubenzuron e Methoprene como alternativas para ocontrole do vetor da dengue na região de Uberlândia.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Carlos Henrique Marchiori; Cecilia Lomônaco de Paula; Gilson Pereira de Oliveira; Oswaldo Marçal Junior; Júlio Mendes

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:IMUNOLOGIA Inseto

ISBN:

Date of Publication:09/27/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.