Details

Perspectivas da oferta de cuidadores informais da população idosa, Brasil 2000-2015

by Silva Ferreira, Alida Rosaria

Abstract (Summary)
O envelhecimento da população, oriundo da queda da fecundidade e da maior longevidade, faz com que, no futuro, o grupo das pessoas que estarão disponíveis para o cuidado de idosos necessitados de assistência seja cada vez menor em relação a estes idosos. Esta dissertação analisa o perfil do potencial cuidador informal de idosos no Brasil e estima, mediante dois possíveis cenários, o contingente de ambos: o idoso que potencialmente demanda assistência (IPDA) e o potencial cuidador informal (PCI).O cuidador informal de idosos, que quase sempre é um familiar, é o indivíduo que auxilia o idoso sem ser pago por isso. Na maioria das vezes é um papel assumido pela mulher, com predominância de esposas e filhas, e a intensidade do cuidado depende do grau de necessidade do idoso.O mapeamento do Censo Demográfico de 2000 indica a existência de cerca de 7,5 milhões de pessoas maiores de 60 anos que tem declaração de algum grau de incapacidade e, nos domicílios desses indivíduos, pouco mais de 8 milhões de pessoas entre 18 e 79 anos sem esta característica. Uma primeira relação entre estes dados aponta para uma razão de quase um PCI para cada IPDA.Com o suporte dos dados qualitativos, foi possível captar características mais definidas de cuidadores informais em regiões que passam por diferentes estágios da transição demográfica. Além de constatar as características sócio-demográficas verificadas na análise quantitativa, captou-se também, a presença de sentimentos de obrigação e gratidão no discurso da maioria dos cuidadores. Em alguns casos, em que houve, depois de um tempo, a necessidade de internação ou ajuda externa, o sentimento de culpa também aparece. A união dos enfoques quantitativos e qualitativos permitiu a construção dos cenários de demanda e oferta dos potenciais cuidadores informais, podendo estimar assim, de maneira mais refinada, a evolução do volume de PCI no período entre 2000 e 2015 e compará-la com a possível evolução dos IPDA para o mesmo período. No médio prazo, essas projeções indicam uma razão aproximada de um PCI para cada dois IPDA, isto é metade da razão apontada linhas acima.Finalmente, com este trabalho, busca-se contribuir na discussão da necessidade de incentivos para um envelhecimento ativo a fim de adiar, ao máximo, a demanda por cuidadores por parte da população idosa, uma vez que, os resultados deste trabalho confirmam a anunciada diminuição de potenciais cuidadores informais em relação à demanda de idosos necessitados de auxílio.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Laura Lidia Rodriguez de Espinoza; Paula de Miranda Ribeiro; Lúcia Mayumi Yazaki

School:Universidade Federal de Minas Gerais

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:idosos cuidado e higiene brasil teses demografia da famã­lia

ISBN:

Date of Publication:12/18/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.