Details

O processo de ensino-aprendizado de Matemática e a relaçãoprofessor-aluno no primeiro ano do ensino fundamental

by Pacheco, Patricia Carvalho

Abstract (Summary)
Este estudo tem como objetivo analisar e compreender o processo de (não)ensinar e (não) aprender Matemática em um 1º ano do ensino fundamental deuma Escola Rural do município de Uberlândia. Organizamos o presente trabalhoem cinco partes; na primeira parte elaboramos uma discussão acerca da escolado campo para compreender um pouco sobre a história dessa instituição econstatamos que desde seus primórdios, nas primeiras décadas do século XX,até os dias atuais tal instituição vem sendo marginalizada. Na segunda parte,apresentamos nossa concepção do processo de ensino e aprendizado daMatemática fundamentada num enfoque histórico-cultural, compreendendoprofessores e alunos como sujeitos históricos e enfatizando a interação entre taissujeitos no processo de ensinar e aprender. Enfatizamos também o cotidianoescolar como espaço-tempo fundamental do trabalho educativo. Por isso,consideramos o não aprender, quase sempre tido como fracasso dos alunos,como um fenômeno escolar complexo que requer uma profunda análise docotidiano escolar e da sala de aula. O processo de construção do percursometodológico da presente pesquisa é apresentado na terceira parte. Optamospor uma abordagem qualitativa e desenvolvemos os seguintes procedimentos:observações em sala de aula com produção de notas de campo e análise deexercícios utilizados pelas professoras participantes da pesquisa em sala de aulacom seus alunos. Na quarta parte, contamos um pouco da história da Jardim dasFlores, escola em que realizamos a pesquisa de campo durante o segundosemestre de 2005 e primeiro semestre de 2006. Nesta parte apresentamos as 3professoras e os alunos com os quais trabalhamos; com a descrição dessessujeitos e de suas relações buscamos fundamentar a discussão sobre oprocesso de ensinar e aprender Matemática. Por fim, na quinta parte, analisamosalguns aspectos de histórias escolares constituídas no dia-a-dia da sala de aulaque culminaram no fracasso em aprender Matemática. Constatamos que hámuitas variações na relação do ensinar e aprender e ressaltamos aquela que noschamou mais a atenção em nossa (con)vivência na escola: o não ensinar e o nãoaprender. No entanto, selecionamos outras variações como eixo de análise quaissejam: o ensinar e o aprender, o não-ensinar e o aprender, o ensinar e o nãoaprendere o não-ensinar e o não-aprender. Constatamos que há uma relação profunda entre o jeito de o professor ensinar e o jeito de aprender do aluno e,que para ensinar Matemática é necessário considerar os alunos como sujeitos decultura e o cotidiano escolar como um espaço de aprendizado para professores.Enfim, ressaltamos também a importância do trabalho colaborativo para aformação continuada de professores.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Arlindo José de Souza Junior; Ademir Donizeti Caldeira; Myrtes Dias da Cunha

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Ensino e aprendizado Trabalho colaborativo Dificuldade de EDUCACAO Matemática (Primeiro grau) - Estudo ensino Professor matemática

ISBN:

Date of Publication:08/18/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.