Details

Navegar é preciso: a internet como ferramentasuplementar na leitura e escrita em inglês

by Oliveira Fonseca, Hejaine de

Abstract (Summary)
Esta investigação objetivou analisar as possibilidades e contribuições da internet, comoferramenta suplementar para o processo de ensino e aprendizagem de língua inglesa,focalizando as habilidades de leitura e escrita nesse idioma e a autonomia do aprendiz.Objetivamos, também, identificar as contribuições da plataforma e-Proinfo para odesenvolvimento de cursos on-line complementares a cursos presenciais. Nossa pesquisafundamentou-se na teoria de ensino baseado em tarefas, na abordagem comunicativa e nasteorias sobre leitura e escrita. Para coleta e análise dos dados, utilizamos os seguintesinstrumentos de pesquisa: questionários, ferramenta de interação e-Proinfo (fórum e diário debordo), atividades de leitura e escrita no ambiente e-Proinfo e entrevista. Participaram alunosdo 8o período de um curso de Letras/Inglês, que foram observados durante a participação emcurso virtual de leitura e escrita complementar ao curso presencial. Os resultados obtidosapontam que os objetivos propostos nesse trabalho foram alcançados, visto que os aprendizesconseguiram realizar as atividades propostas, apresentando algumas mudanças em seuprocesso de leitura e escrita em inglês e em suas habilidades computacionais. Em relação àleitura, os aprendizes declararam ter despertado o interesse e o gosto pelo hábito de ler.Declararam, também, ter adquirido novas estratégias de aprendizagem, afirmando queevitaram utilizar o dicionário, usando mais o contexto, títulos e informação geral, acelerandoo processo de leitura. Além disso, os participantes mencionaram compreender com maisfacilidade estruturas como presente perfeito, presente perfeito contínuo, orações temporais,phrasal verbs, imperativo, expressões de advertência e avisos. No tocante à escrita, os alunosdeclararam ter melhorado nessa modalidade, utilizando com mais facilidade, ao final docurso, estruturas como presente perfeito, expressões para exprimir opiniões e desejo, segundocondicional, verbos (would/would like) e expressões de cumprimento e despedida, além de sedemonstrarem mais críticos e conscientes sobre seu processo de escrita. A respeito daautonomia, evidenciamos que os participantes se revelaram autônomos, buscando sanar asdificuldades encontradas, auxiliando os colegas, contribuindo com o grupo e adotando novoscomportamentos em relação à sua prática de aprendizagem. No que se refere às novastecnologias, os alunos revelaram ter desenvolvido habilidades computacionais, comopesquisar na web, enviar e-mails e cartões virtuais, entre outros. Em relação ao e-Proinfo,considerando a perspectiva da pesquisadora, concluímos que este ambiente configura-se comouma ferramenta tecnológica satisfatória, pois disponibiliza vários recursos para elaboração decursos virtuais, podendo ser utilizada com facilidade. Contemplando a perspectiva do usuário,os dados indicaram que essa plataforma caracteriza-se como uma ferramenta de fácilnavegabilidade, organizada e interessante, pois todos os participantes, mesmo aqueles nãodigitalmente letrados, declararam utilizá-la sem maiores problemas. Os resultados obtidosapontam para a necessidade de pesquisas futuras que abordem o processo de leitura e escritaem língua inglesa, enfatizando os aspectos da organização textual, bem como fatores relativosao uso das novas tecnologias, entre eles, tecnofobia, as mudanças cognitivas e a interação emambiente virtual.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Waldenor Barros Moraes Filho; Dilma Maria de Mello; Vera Lucia Menezes de Oliveira e Paiva

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Leitura e escrita em língua inglesa Ensino baseado tarefas Língua - Estudo ensino auxiliado por computador Internet na educação

ISBN:

Date of Publication:09/27/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.