Details

"Histerectomia decorrente de complicações do parto em um grupo de mulheres mexicanas: uma visão sociocultural"

by Cuamatzi Peña, Maria Teresa

Abstract (Summary)
Estudo de abordagem qualitativa que fundamentou-se em referenciais socioculturais, tomados da antropologia e apoiou-se no Interacionismo Simbólico, com o objetivo de compreender se a histerectomia realizada em mulheres, como conseqüência de complicações no parto, interfere em suas vidas. Buscou ainda, conhecer o significado da perda do útero para essas mulheres e identificar indicadores de mudanças em suas vidas após a cirurgia. Foram entrevistadas dez mulheres, em idade reprodutiva, independente de sua paridade, atendidas no Hospital Geral Dr. Gustavo Baz Prada, no Município de Nezahualcoyotl, Estado do México, nos anos de 2002 e 2003, para resolução da gravidez, e que, por complicações durante o parto, foram submetidas à histerectomia. Os dados coletados das entrevistas foram submetidos à análise de conteúdo e foi utilizada a técnica de análise temática. Foi possível identificar unidades temáticas que convergiram para três temas: Percepção dos motivos da histerectomia; A perda como motivo de sofrimento e Mudanças no corpo físico e no corpo social. Percebeu-se que, de maneira geral, não foram esclarecidos às mulheres, os motivos que as levaram à mutilação. Em seu imaginário, tais motivos estiveram relacionados a um quadro sintomatológico, apresentado simplesmente pelo corpo biológico, como: temperatura alta, infecção, sangramento vaginal, anemia, distócias, risco para desenvolver câncer, ou ainda, para salvar suas vidas. Na perspectiva das mulheres, a perda do útero gerou um grande sofrimento, que recaiu muito mais em seus corpos sociais, uma vez que os corpos biológicos se recuperaram de maneira satisfatória. O conhecimento das questões subjetivas e socioculturais que permeiam o universo simbólico das mulheres possibilitou a identificação de metáforas da histerectomia, que interferem sobremaneira na qualidade de suas vidas, seja estigmatizando-as por não mais produzirem filhos ou punindo-as moralmente, através do abandono marital, dissolução do casamento e isolamento social, o que as impede de levar uma vida social e afetiva que as satisfaça.
This document abstract is also available in Spanish.
Bibliographical Information:

Advisor:Marli Villela Mamede; Raquel Gabrielli Biffi; Maria Inês Brandão Bocardi; Flávia Azevedo Gomes; Marislei Sanches Panobianco; Marli Villela Mamede

School:Universidade de São Paulo

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:complicações do parto histerectomia qualidade de vida

ISBN:

Date of Publication:12/20/2004

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.