Details

Fusarium graminearum em sementes de trigo (Triticum aestivum L.): detecção, efeitos e controle

by Júnior, Daniel Garcia

Abstract (Summary)
Foram realizados experimentos em laboratório, casa-de-vegetação e campo visando os seguintes objetivos: (i) avaliar a eficiência de diferentes métodos de detecção do fungo Fusarium graminearum em sementes de trigo (Triticum aestivum L.); (ii) estudar o efeito do patógeno na germinação das sementes, bem como na emergência de plântulas e verificar a sua transmissão da semente para a plântula; (iii) avaliar o efeito de diferentes doses de nitrogênio (0, 30, 60, 90, 120 e 180 kg.ha-1), cultivares (IAC ? 24, IAC ? 350 e IAC ? 370), aplicação de mistura de fungicidas (triciclazole + tebuconazol: três aplicações de 0,75 L.ha-1) na parte aérea das plantas na incidência de F. graminearum; (iv) avaliar o efeito do tratamento de sementes de trigo na incidência do patógeno empregando, individualmente, os seguintes fungicidas com as respectivas dosagens (g i.a.100 kg?1 de sementes): captana (150,0), tiofanato metílico (75,0), triflumizole (45,0), triticonazole (45,0), triadimenol (13,5), tolyfluanida (75,0), tebuconazole (5,0), fludioxonil (5,0), difeconazole (30,0) e thiabendazole (30,0). Na detecção de F. graminearum em sementes de trigo da cultivar BR 23 foram utilizados os seguintes métodos: meio semi-seletivo (MSS); MSS + 2,4- D (0,02%); MSS + KCl (-0,8MPa); papel de filtro (PF) com e sem o congelamento das sementes; PF + 2,4 ? D (0,02%); restritores hídricos (KCl, NaCl, manitol e sacarose) nos potenciais osmóticos de ?0,4, -0,6, -0,8 e ?1,0 MPa. A maior incidência do patógeno foi observada com a utilização de MSS + 2,4 ? D e a menor percentagem de sementes germinadas foi observada com o uso de PF com congelamento. A germinação de 30 diferentes genótipos de trigo foi significativamente influenciada pela quantidade de sementes mortas com a presença de F. graminearum, contudo não foi encontrada correlação entre a incidência do patógeno e a germinação das sementes. Também foi constatado que o fungo não afeta a emergência das plântulas, contudo verificou-se que a sua taxa de transmissão para diferentes partes da plântula (raiz, colo e haste) é variável de acordo com a com o genótipo infectado. O inóculo da semente pode contribuir para o desenvolvimento de epidemias no campo. Verificou-se que maiores doses de N promovem o aumento da incidência do patógeno nas sementes, enquanto que a aplicação da mistura de fungicidas promove a redução. Não houve diferenças significativas entre as cultivares IAC ? 250, IAC ? 350 e IAC ? 370 na incidência do patógeno. No tratamento químico de sementes de trigo da cultivar BR 18 Terena, as menores incidências do fungo foram observadas empregando-se os fungicidas tiofanato metílico e tebuconazole. Não houve influência dos fungicidas tanto na germinação quanto na emergência e velocidade de emergência de plântulas. Por outro lado, fungicidas como o captana, triticonazole, tebuconazole e triadimenol afetaram negativamente a altura de plântulas, interferindo no desempenho das mesmas.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Jose Otavio Machado Menten; Ivan Paulo Bedendo; Edson Luiz Furtado; Nelson Sidnei Massola Júnior; Marta Helena Vechiato; Jose Otavio Machado Menten

School:Universidade de São Paulo

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords: controle químico fitossanidade fungicida patologia de semente

ISBN:

Date of Publication:04/26/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.