Details

ESTUDO DE VIABILIDADE DA INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL VERSUS MONTA NATURAL EM BOVINOS LEITEIROS DA AGRICULTURA FAMILIAR DE RONDÔNIA: um instrumento de política pública de desenvolvimento regional

by DE ARAGÃO, JOSÉ LIMA

Abstract (Summary)
Este trabalho apresenta uma análise de viabilidade socioeconômica da biotecnia de Inseminação Artificial (IA) versus Monta Natural (MN) empregada em gado leiteiro da pequena propriedade familiar associativista de Rondônia. Objetivamostrar a função da biotecnologia de IA no Melhoramento Genético do Gado Leiteiro, com sêmen das raças Gir e Holandesa, puro sangue, aplicado em animais SRD (Sem Raça Definida) como instrumento de política pública de desenvolvimento regional. Conceitua teoricamente as agriculturas camponesa tradicional, familiar, patronal e familiar associativista, como também, a reprodução animal no sistema MN e IA, destacando a importância da IA no gado de leite da agricultura familiar associativista como desenvolvimento de Rondônia. A análise socioeconômica da IAcomo instrumento de política pública de desenvolvimento regional, mostra que houve uma boa média de internalização desta tecnologia pela comunidade. O número de fêmeas prenhas e lactantes por IA nas 30 famílias pesquisadas foi de 214 animais. O desempenho médio dos inseminadores nas três associações em relação ao índice de serviço deles por concepção animal foi de 1,30 dose de sêmen para cada vacaprenha. O custo médio por concepção das 214 vacas trabalhadas na MN foi de R$ 19,25 e na IA foi de R$ 59,40. O custo por concepção na MN representou apenas 32,4% do custo por concepção na IA, isto significa que a concepção no sistema de MN foi R$ 40,15 mais barata do que na IA. Mas, quando se leva em consideração os benefícios agregados às filhas pelo mérito genético do touro através do sêmen utilizado, constata-se que a média de ganho por filha na amostra estudada foi de R$ 1.825,37 no final das suas respectivas lactações.O benefício de R$ 1,8 mil por filha a mais em relação à mãe no final do seu período de lactação e de R$ 6,5 mil por família, gera a possibilidade de se diminuir o rebanho mantendo a mesma produção, ou manter o mesmo rebanho, com o dobro ou mais da produção. Isto possibilita otimizar o espaço territorial de cada propriedade, com melhor aproveitamento dos recursos naturais e coberturas florestais, tendo em vista a melhoria do índice deprodutividade em relação às mães. Houve agregação de valores ao patrimônio e melhoria de renda das famílias, viabilizando a infra-estrutura da propriedade com maior participação da família na comunidade local. Estes benefícios produzidos deforma racional geram sustentabilidade ambiental, econômica e social à família da agricultura familiar de Rondônia.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Mariluce de Souza Paes; Manuel Antonio Valdés Borrero

School:Fundação Universidade Federal de Rondônia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Leite Produtividade tecnologia associativismo sustentabilidade

ISBN:

Date of Publication:06/13/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.