Details

Efeitos da L-Glutamina ou do treinamento físico moderado sobre parâmetros imunológicos em ratos submetidos ou não a estresse agudo

by da Silva, Cristiane Pereira

Abstract (Summary)
Estudaram-se os efeitos do treinamento físico moderado e da suplementação com glutaminasobre parâmetros imunológicos de ratos submetidos ou não a estresse agudo na idadeadulta. Foram avaliadas: eventuais alterações qualitativas e quantitativas nas sériesvermelha e branca do sangue, a taxa de fagocitose e a liberação de radical superóxido emmacrófagos alveolares. Animais jovens recebiam dietas suplementadas com L-glutamina oucom L-glicina durante 10 dias prévios a realização dos estudos. Outro grupo foi submetidoa treinamento de natação durante 45 minutos por dia, 5 dias por semana, durante 6 semanas,com aumento progressivo de carga, segundo o peso corporal do animal até atingir ummáximo de 3%. Após 24 horas do término do período de suplementação ou do treinamento,eram submetidos ou não a estresse agudo de contenção durante 40 minutos.. O estresse, aaplicação de programa controlado de treinamento moderado ou o emprego desuplementação com glutamina, não modificaram os níveis hematimétricos nos animais.Demonstrou-se que o estresse agudo reduz o número total de leucócitos periféricos comaumento no percentual de neutrófilos (p lt; 0,002) e eosinófilos(p lt; 0,02) e, redução delinfócitos (p lt; 0,001). Foi demonstrado que o estresse causa redução na taxa de fagocitose(p lt; 0,001) e na liberação de radicais superóxido (p lt; 0,001) por macrófagos. O modelo dotreinamento evitou a redução de leucócitos periféricos (plt;0,001) e diminuição dafagocitose (plt;0,001) ocorrida após estresse, mas não alterou a liberação de superóxido. Asuplementação com glutamina não induziu proteção à redução de leucócitos ou na taxa defagocitose após o estresse e nem alterou a liberação de superóxido. Porém, suprimiu aneutrocitose (plt;0,002) e linfopenia (plt;0,001). Os achados constituem um alerta acerca dosefeitos deletérios que o estresse pode vir a causar no organismo, sugerem que a realizaçãode exercícios moderados regulares fortalece algumas funções do sistema imune contra asreações adversas do estresse psicológico. Além disso indicam que mais estudos devem serrealizados para discernirem o real efeito de imunonutrientes como a glutamina, uma vezque não foi detectada mudanças globais na imunidade ou proteção contra reaçõesdeletérias do estresse agudo em indivíduos sadios, mas, detectou-se efeitos específicos emsubpopulações leucocitárias
Bibliographical Information:

Advisor:Raul Manhães de Castro

School:Universidade Federal de Pernambuco

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:l glutamina treinamento físico moderado parâmetros imunológicos submissão a estresse agudo nutricao

ISBN:

Date of Publication:04/06/2004

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.