Details

Efeito pró-erétil de uma fração rica em alcalóides isolada de aspidosperma ulei markgr.: estudo in vivo e in vitro

by Campos Barros, Adriana Rolim

Abstract (Summary)
O gênero Aspidosperma (Apocynaceae) é conhecido por ser rico em alcalóides indólicos do tipo ioimbina. O presente trabalho teve por objetivo avaliar a toxicidade, efeitos sobre o comportamento e um possível pró-erétil de uma fração rica em alcalóides isolada da casca da raiz de Aspidosperma ulei Markgr. (SF3-5). Os testes de toxicidade aguda foram realizados para determinar a DL50 em camundongos e a CL50 em Artemia sp. Os efeitos sobre o comportamento foram estudados nos testes do campo aberto, placa perfurada, labirinto em cruz elevado, ?rota-rod?, natação forçada e tempo de sono induzido por barbitúrico. Os estudos in vitro com a fração foram realizados em canal deferente de camundongos e corpos cavernosos de coelhos e humanos. Os valores estimados para a DL50 (i.p.) em camundongos e CL50 em Artemia sp. foram na ordem de 400 mg/Kg e 3,94 microg/mL, respectivamente. Os testes comportamentais em camundongos revelaram uma atividade estimulante de SF3-5 sobre o SNC mas não demonstraram incoordenação motora no teste do ?rota-rod?. A injeção intraperitoneal de 25 mg/Kg de SF3-5 induziu a ereção peniana em 75 % dos camundongos. Este efeito foi completamente abolido pelo pré-tratamento com clonidina (agonista receptores adrenérgicos alfa2) ou haloperidol (antagonista dopaminérgico) e somente parcialmente inibido pelo L-NAME (inibidor da óxido nítrico sintase) e pelo azul de metileno (inibidor da guanilato ciclase solúvel). SF3-5 também reverteu a depressão do comportamento sexual induzida por fluoxetina. No canal deferente de camundongos, as contrações induzidas pela estimulação por campo elétrico ou noradrenalina, mas não as induzidas por ATP, foram inibidas por SF3-5 (1 ? 64 microg/mL). SF3-5 (1 ? 300 microg/mL) promoveu relaxamento concentração-dependente nas preparações de corpos cavernoso humanos e de coelhos pré-contraídas com fenilefrina, potássio ou PGF2alfa. Nossos resultados indicam que SF3-5 manifesta atividade pró-erétil possivelmente envolvendo mecanismos centrais (sistemas dopaminérgico, adrenérgico e nitrérgico) e periférico (efeito relaxante do músculo liso cavernoso aparentemente envolvendo o fluxo de Ca+2). Estes dados também sugerem que Aspidosperma ulei Markgr. pode ser explorada como uma alternativa para o tratamento da disfunção erétil. São necessários estudos futuros para identificar e isolar o composto químico ativo presente em SF3-5 responsável pela atividade farmacológica.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Lúcio Flávio Gonzaga Silva; Ronaldo de Albuquerque Ribeiro; Vietla Satyanarayana Rao; Renan Magalhães Montenegro Junior

School:Universidade Federal do Ceará

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Efeito pró-erétil Impotência Neurotransmissores Ereção Peniana

ISBN:

Date of Publication:09/16/2005

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.