Details

Contraceptivos orais, amamentação e câncer de mama na zona sul do Rio Grande do Sul, Brasil.

by Tessaro, Sergio

Abstract (Summary)
Este trabalho teve início em agosto de 1995, mas os casos foram recrutados a partir de marçodo mesmo ano, ou seja, com até seis meses do diagnóstico. Este período foi definido para obter os casos incidentes e evitar o viés de sobrevida. A freqüência de casos mensais manteve-se inferior ao número estimado pelo estudo piloto. Ao final de julho de 1996, totalizaram-se 172 casos, 90 de Pelotas e 82 de outros municípios da Zona Sul. Os controles totalizaram 786, sendo 516 hospitalares e 270 de vizinhança. Continuamos com o trabalho de campo de julho de 1998, onde totalizaram 250 casos, 516 controles hospitalares 504 controles de vizinhança. Registramos 132 casos com mais de 60 anos. Para cada caso, foi necessário ir várias vezes ao hospital, até obter os três controles, selecionados conforme o motivo da hospitalização. Ficou estabelecido que cada diagnóstico não deveria estar representado em mais de 10% entre o total dos controles. Para obter os controles de vizinhança dos casos com endereço no centro de Pelotas, visitavam-se em média 15 casas e, para os residentes nos bairros, visitavam-se, em média, oito casas. As reuniões da equipe foram semanais, quando se verificava o funcionamento das balanças e eram resolvidos os problemas encontrados na busca dos controles, principalmente os hospitalares.A seleção dos casos foi realizada diariamente nos centros de anatomia patológica e nas centrais deinternações dos hospitais. Todos os casos com idade superior a 60 anos, apesar de não entrarem no estudo, foram contabilizados.Cada equipe ( entrevistadora e supervisor) tiveram como objetivo entrevistar aproximadamente 30casos, com seus respectivos controles. O conjunto das entrevistas de cada caso e seus respectivos controles, foi aplicado pela mesma entrevistadora. Para o controle de qualidade, cerca de 5% das entrevistas de casos e controles foram refeitas pelo coordenador e pelos supervisores. Para verificar a concordância dos dados coletados pelas equipes com os dados obtidos pelo coordenador e supervisores, utilizou-se o teste de Kappa72,73. Foram testadas as variáveis de classificação decasos e controles, método contraceptivo, amamentação e história de biópsia por lesão benigna nas mamas. Considerando os casos e controles hospitalares, o índice de Kappa para a variável; método contraceptivo foi de 0,83; para a variável amamentação foi de 0,76 e para a história de biópsia por lesão benigna de 0,83. Com os casos e controles de vizinhança, os índices de Kappa foram: 0,82, 0,82 e 0,90 respectivamente. Os índices obtidos indicam excelente concordância entre os entrevistadores, reforçando aqualidade dos dados coletados, uma vez que índices inferiores a 0,35 indicam fraca concordância, de 0,36 a 0,70, concordância razoável e acima de 0,70, concordância excelente.
Bibliographical Information:

Advisor:Jorge Umberto Beria

School:Universidade Federal de Pelotas

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:neoplasia mamária contraceptivos orais aleitamento materno epidemiologia

ISBN:

Date of Publication:12/11/2000

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.