Details

Comprometimento da resposta inflamatória em ratos diabéticos:envolvimento de mastócitos e componentes da matriz extracelular.

by Campos, Leandro Vespoli

Abstract (Summary)
A incidência da diabetes vem aumentando a cada ano em todo o mundo. As doenças de ordem alérgica também são encontradas cada vez mais freqüentemente na população com o passar dos tempos. Contudo, quando se avalia a ocorrência simultânea de ambas em um mesmo indivíduo, detecta-se uma incidência bastante reduzida. Com base nestas observações, tivemos como objetivo no presente trabalho avaliar a influência do estado diabético induzido por aloxana sobre a resposta cutânea alérgica em ratos, com ênfase sobre a população de mastócitos e de componentes da matriz extracelular. Ratos Wistar foram tornados diabéticos pela injeção de aloxana e as análises foram feitas 21 dias após. A sensibilização com ovoalbumina e hidróxido de alumínio foi realizada 7 dias após a indução da diabetes e a análise após 14 dias. Os resultados mostraram que: (1) ratos diabéticos ativamente sensibilizados apresentaram menor extravasamento protéico na pele; (2) fragmentos da pele de ratos diabéticos e sensibilizados, quando estimulados por antígeno in vitro apresentaram menor secreção de histamina em comparação com os de animais apenas sensibilizados; (3) a derme de animais diabéticos mostrou redução de espessura (cerca de 30%) quando comparada àquela dos animais normais; (4) a densidade de mastócitos da pele dorsal de ratos diabéticos foi inferior à de ratos normais; (5) ratos diabéticos apresentaram menor expressão de laminina e de fibronectina na matriz extracelular presente na derme dorsal comparativamente aos ratos normais; (6) o tratamento dos animais diabéticos com insulina foi capaz de reverter a diminuição da espessura da derme, da densidade mastocitária, como também da expressão das proteínas da matriz extracelular. Em conclusão, nossos resultados indicam que ratos tornados diabéticos pela injeção de aloxana apresentaram-se menos reativos à estimulação antigênica cutânea, em comparação aos animais não diabéticos sensibilizados, fenômeno este que ocorreu em paralelo à redução na população de mastócitos e de componentes da matriz extracelular (laminina e fibronectina). As alterações verificadas na região cutânea dorsal de ratos diabéticos foram sensíveis ao tratamento de reposição com insulina, indicando clara dependência com o estabelecimento do quadro diabético.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Marco Aurélio Martins; Patrícia Machado Rodrigues e Silva

School:Faculdades Oswaldo Cruz

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords: Ratos Wistar Mastocitose Cutânea Matriz Extracelular

ISBN:

Date of Publication:05/29/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.