Details

Biodiversidade e abundância da ictiofauna associada ao cultivoorgânico de Litopenaeus vannamei (Boone, 1931)

by Freire da, Marcos Antônio

Abstract (Summary)
A expansão da carcinicultura tem ocasionado uma série de impactos ambientais, frequentemente, como conseqüência da falta de planejamento e gerenciamento adequados. A aqüicultura orgânica tem sido apontada como alternativaà carcinicultura convencional e apresenta como diferencial, o aproveitamento do potencial econômico, ecológico e de cultivo de outros organismos, tais como peixes, ostras e macroalgas. O objetivo do presente estudo foi avaliar a diversidade biológica e abundância da ictiofauna associada ao cultivo orgânico de Litopenaeus vannamei na fazenda PRIMAR (Rio Grande do Norte, Brasil). O período amostral consistiu dequatro ciclos de cultivo (1, 2, 3 e 4) realizados em quatro viveiros de engorda (V1, V7, V2 e V4) em 2005. Os dois primeiros ciclos foram realizados durante a estação chuvosa e os dois últimos, durante a estiagem. Dados ambientais (temperatura, salinidade, transparência e precipitação pluviométrica), da diversidade biológica (índices de diversidade, uniformidade e abundância) da ictiofauna, e da produtividade de camarão foram coletados nesses quatro ciclos de cultivo. Os resultados obtidos para as variáveis ambientais mostraram que a salinidade e a transparência oscilaram de forma significativa (p < 0,001) entre os ciclos de cultivo. Em relação à abundância da ictiofauna, foram coletadas e identificadas cinqüenta e quatro espécies associadas ao cultivo orgânico de Litopenaeus vannamei na PRIMAR. Foram observadas maior riqueza (S = 46) e uniformidade (E = 0,59 ± 0,16) das espécies de peixe durante os ciclos 3 e 4 do que nos ciclos 1 e 2 (S = 41 e E = 0,15 ± 0,12). Correlação positiva e significativa foi obtida para o aumento da transparência com a diversidade e uniformidade das espécies de peixe entre os ciclos 1 e 2 (estação chuvosa) e 3 e 4 (estação seca) (p < 0,017 - Índice de Shannon; p < 0,008 - Índice de Pielou, respectivamente). Não houve correlação entre a produtividade de camarão e abiomassa de peixes. No entanto, a biomassa de peixes aumentou no transcorrer dos ciclos 1 e 2 para 3 e 4, concomitante com um incremento na produtividade decamarão, decorrente provavelmente, de uma maior sobrevivência (de 58,0% para 71,0%) desse crustáceo. Em relação ao potencial de cultivo da ictiofauna, três espécies (Mugil curema, Mugil liza e Chaetodipterus faber) foram identificadas como alternativas para cultivo isolado ou em consórcio com Litopenaeus vannamei. Uma quarta espécie (Centropomus undecimalis) foi apontada como alternativa para cultivo isolado ou em consórcio com outras espécies de peixe. Em conclusão, a rica diversidade de peixes estuarinos associada ao cultivo de Litopenaeus vannamei observada na PRIMAR indica claramente, a viabilidade ecológica da aqüicultura orgânica no nordeste do Brasil
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Eliane Marinho Soriano; Virgínia Maria Cavalari Henriques; Maísa Clari Farias Barbalho de Mendonça; Ronaldo Olivera Cavali; Marcos Rogério Câmara

School:Universidade Federal do Rio Grande do Norte

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Ictiofauna Abundância Diversidade biológica Aqüicultura orgânica ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS

ISBN:

Date of Publication:12/13/2006

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.