Details

Aspectos ecológicos e sociais da doença de Chagas no município de Uberlândia, Minas Gerais - Brasil

by Mendes, Paulo Cezar

Abstract (Summary)
Este trabalho objetivou entender o papel da dinâmica do espaço rural na destruição, criação erecriação de nichos ecológicos que propiciam o desenvolvimento da fauna triatomínea e a endemiada doença Chagas, no município de Uberlândia-MG, bem como discutir uma possível urbanizaçãoda doença, a partir da presença do agente etiológico e seu vetor na cidade. Para tanto, foramrealizados levantamentos de dados relacionados às notificações de triatomíneos, por localidade, nafase de vigilância do PCDCh de captura e pesquisa no espaço urbano e rural no período de 2004 a2007; exame da situação epidemiológica do município; trabalhos de campo para identificação dosambientes de possíveis ocorrências de Triatomíneos e análise do uso do solo e cobertura vegetal. Aanálise dos dados possibilitou verificar que nas áreas de relevo mais acidentado do município,correspondente ao vale do rio Araguari, a topografia foi um fator limitante ao uso mais intensivo dosolo, o que possibilitou a permanência de remanescentes significativos de vegetação natural e,conseqüentemente, nichos ecológicos favoráveis à sobrevivência e reprodução do triatomíneo. Istopode ser verificado pelo elevado número de capturas ao longo de todo o vale. Nas outras regiões domunicípio, de topografia mais suave, formada em grande parte por grandes propriedades voltadaspara a pecuária e a produção de grãos, o desmatamento foi intenso, destruindo os possíveis nichosecológicos dos triatomíneos. Por esta razão, as captura de triatomíneos foram bem reduzidas. Aconstatação da existência de corredores ecológicos propícios à ocorrência da faunatriatomínea, ao longo dos grandes rios sugerem eixos de dispersão do vetor e do agenteetiológico da doença, que integrariam essa região aos circuitos de outras áreas endêmicasdo país. No espaço urbano, a análise dos dados sugeriu que, além do transporte passivo dostriatomíneos, resultante do intercâmbio de pessoas e produtos entre o campo e a cidade, há nichosecológicos de triatomíneos, nas áreas de vegetação nativa preservada, nos parques ecológicos e nasmatas ciliares dos córregos.
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Elmiro Santos Resende; Julio Cesar de Lima Ramires; Samuel do Carmo Lima; Raul Borges Guimarães; Jorge Amâncio Pickenhein

School:Universidade Federal de Uberlândia

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:Doença de Chagas Espaço urbano rural GEOGRAFIA Chaga, Chagas, - Epidemiologia Geografia médica

ISBN:

Date of Publication:04/10/2008

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.