Details

Analise do sucesso e fracasso organizacional a partir da ecologia organizacional: estudo realizado junto as MPMEs do setor têxtil de Jaraguá do Sul

by Campregher, Claudio Luis

Abstract (Summary)
A atual conjuntura econômica caracterizada pela dinâmica de surgimento e desaparecimento de determinados segmentos empresariais, tem provocado a busca por teorias que possam explicar tais fenômenos. Os estudos organizacionais partemprincipalmente da perspectiva da análise institucional e da estratégia para explicar o relacionamento das empresas e seu entorno ambiental, justificando o fracasso e o sucesso a partir desta perspectiva. Na presente pesquisa, o ambiente foi tratado como um fator determinante e o modelo de ecologia populacional, proposto por Betton e Dess (1985), serviu como base paradigmática de suporte para a avaliação de sucesso efracasso de MPMEs. O trabalho faz uma revisão dos conceitos de ecologia organizacional focando, principalmente, os processos demográficos, ecológicos e ambientais, relacionando estes com inércia estrutural, espécies organizacionais e seleção ambiental. Da revisão teórica apresentada, sugere-se uma proposta de modeloaplicado em MPMEs do setor têxtil de Jaraguá do Sul, SC. A metodologia que caracteriza o presente estudo é do tipo levantamento com corte transversal no período compreendido entre os anos de 2000 e 2005. A abordagem foi qualitativa e quantitativa, tendo como amostra as empresas abertas e fechadas neste mesmo período. Os resultados apontam o processo demográfico relacionado com as variáveis: inércia, espécie e seleção como principal fator de incentivo para a abertura das organizações, devido primordialmente ao tamanho e idade das organizações pertencentes à populaçãoestudada. No que tange ao fracasso das organizações, o processo ambiental relacionado com as três variáveis: inércia, espécie e seleção caracterizou a falta de adaptação dasMPMEs às forças ambientais. Para as ativas, a inércia relacionada ao processo demográfico e ecológico, identifica a agilidade das MPMEs em responder as mudançasambientais. Estes resultados sugerem que a capacidade de resposta ao ambiente das MPMEs, podem manter ou não as empresas em uma mesma população
This document abstract is also available in English.
Bibliographical Information:

Advisor:Ilse Maria Beuren; Adalberto Americo Fischmann; Denise Del Prá Netto Machado

School:Universidade Regional de Blumenau

School Location:Brazil

Source Type:Master's Thesis

Keywords:ecologia organizacional populacional ADMINISTRACAO eficiência organizacional; humana; gestão ambiental

ISBN:

Date of Publication:06/11/2007

© 2009 OpenThesis.org. All Rights Reserved.